Mensagens de Nossa Senhora em Medjugorje no dia 25/10/2018

Queridos filhos! Vocês tem uma grande graça de serem chamados a uma nova vida através das mensagens que EU estou lhes dando. Este, filhinhos, é um tempo de graça, um tempo e um chamado à conversão para vocês e às gerações futuras. Portanto, EU estou chamando vocês, filhinhos, rezem mais e abram seu coração ao MEU FILHO JESUS. EU estou com vocês e amo a todos vocês e abençôo vocês com a Minha Bênção Maternal. Obrigada por terem respondido ao Meu Chamado.

OBS: Esta mensagem é um carinho de Nossa Senhora para você... As matérias do blog seguem abaixo, aproveite!

Sesi doa 15 mil cestas para municípios pernambucanos em situação de emergência

O Sistema Indústria (Fiepe, Sesi, Senai, Ciepe e Iel), através do Serviço Social da Indústria de Pernambuco (Sesi/PE), realiza a doação de 15 mil cestas emergenciais para socorrer a população atingida pelas enchentes no Estado. Serão beneficiados os 24 municípios onde foram decretado estado de emergência. Nesta quinta-feira (15), o projeto Sesi pelo Bem chega às cidades de Barreiros, Catende, Gameleira e Joaquim Nabuco, onde serão distribuídas 2,4 mil cestas com produtos alimentícios não-perecíveis para consumo imediato e higiene pessoal.

Os próximos municípios a receberem o projeto serão: Água Preta, Caruaru, Cortês, Ipojuca, Jaqueira, Lagoa dos Gatos, Maraial, Primavera, São Benedito do Sul e Sirinhaém. No Agreste, já foram contempladas as cidades de Barra de Guabiraba, na terça-feira, e Jurema, na quarta-feira. Além delas, foram beneficiados os municípios de Amaraji, Belém de Maria, Palmares, Quipapá, Ribeirão, Rio Formoso, Tamandaré e Xexéu, na Zona da Mata. Ao todo, já foram distribuídas 6.953 cestas desde o início da semana. A ação se encerra na próxima segunda-feira (19).

De acordo com o diretor regional do Sesi/PE, Ricardo Essinger, a atitude solidária da entidade é motivada pelo seu compromisso com a responsabilidade social. A instituição está investindo cerca de R$ 1 milhão no projeto Sesi pelo Bem para aliviar os transtornos causados pelas enchentes a tantas famílias pernambucanas. “Estabelecemos que a distribuição vai seguir o critério das cidades mais atingidas para as menos necessitadas”, explica.


Quinta, 15/06/2017 - Rochélle Alves, Jornalista / Sesi Pernambuco
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...