Mensagens de Nossa Senhora em Medjugorje no dia 02/09/2018

Queridos filhos,

As Minhas palavras são simples, mas repletas de amor materno e de preocupação. Filhos MEUS, sobre vocês se alargam sempre mais as sombras das trevas e do engano, Eu os chamo em direção a luz e a verdade, Eu os chamo na direção de Meu Filho. Somente Ele pode converter o desespero e a dor em paz e serenidade, somente ELE pode dar esperança nas dores mais profundas. O MEU FILHO é a VIDA do mundo, e quanto mais O conhecerem, mais se aproximarão DELE e mais O amarão porque o MEU FILHO é AMOR e o AMOR muda tudo.

ELE torna maravilhoso também aquilo que sem amor pareça para vocês insignificante. Por isso novamente os digo que vocês devem amar muito se desejarem crescer espiritualmente. EU sei, apóstolos do MEU AMOR, que não sempre fácil, porém, filhos MEUS, também as estradas dolorosas são caminhos que levam ao crescimento espiritual, à fé e ao MEU FILHO.

Filhos MEUS, rezem, pensem em MEU FILHO durante todos os momentos do dia, elevem as suas almas até ELE e EU recolherei as suas orações como flores do jardim mais belo e as darei de presente ao MEU FILHO.

Sejam realmente apóstolos do MEU AMOR, deem a todos o AMOR de MEU FILHO, sejam jardins com as flores mais belas.

Com a oração ajudem os seu sacerdotes para que possam ser pais espirituais cheios de amor para todos os homens.

Obrigada.

OBS: Esta mensagem é um carinho de Nossa Senhora para você... As matérias do blog seguem abaixo, aproveite!

Conheça a devoção: “Detém-te! O Coração de Jesus está comigo”

Emblema pode ser usado ao peito, ao pescoço ou preso ao casaco - mas o ideal é levá-lo à altura do coração

Conhecido como “Detém-te”, este pequeno emblema pode ser usado sobre o peito, em volta do pescoço ou preso ao casaco, embora o ideal seja levá-lo à altura do coração, como um lembrete das palavras de São Paulo: “Tende em vossos corações os mesmos sentimentos que teve Jesus Cristo no seu” (Filipenses 2,5).

O “Detém-te” apresenta a imagem do Sagrado Coração, normalmente circundada pela frase “Detém-te! O Sagrado Coração de Jesus está comigo” ou “Alto! O Sagrado Coração de Jesus está comigo”.

Conta-se que, em 1870, uma cidadã de Roma consagrou ao Sagrado Coração e à Santíssima Virgem o seu filho que estava de partida para a guerra da unificação da Itália, alistado nas tropas dos Zuavos Pontifícios, um regimento militar dos Estados Pontifícios. Depois de consagrá-lo, essa mãe entregou ao filho um “Detém-te” que ela mesma tinha desenhado sobre um pedaço de pano vermelho, dizendo-lhe: “Ele te trará são e salvo”.

________

Saiba mais:

________

O jovem, de fato, voltou ileso da guerra e contou que uma bala tinha lhe atingido o peito, justamente onde ele usava o “Detém-te”, e parado sem causar qualquer dano. A mãe relatou o fato ao Santo Padre.

O Papa concedeu a aprovação definitiva a essa devoção e declarou: 

Isto, senhora, é uma inspiração do céu. Abençoo este Coração e quero que todos aqueles que forem feitos segundo este modelo recebam esta mesma bênção, sem ser necessário que um padre a renove. Além disso, quero que de modo algum Satanás possa causar dano àqueles que trouxerem consigo o Escudo, símbolo do Coração adorável de Jesus”.

O próprio Papa Pio IX ditou então a seguinte oração:

Abri-me o vosso Sagrado Coração, ó Jesus!
Mostrai-me os Seus encantos, uni-me a Ele para sempre. 
Que todos os movimentos e palpitações do meu coração,
mesmo durante o sono, Vos sejam um testemunho do meu amor
e Vos digam sem cessar: Sim, Senhor Jesus, eu Vos adoro…
Aceitai o pouco bem que faço e fazei-me a mercê de reparar o mal cometido,
para que Vos louve no tempo e Vos bendiga por toda a eternidade.
Amém. 
          Sagrado Coração de Jesus, eu confio em Vós.
(repetir três vezes esta última jaculatória)

Para incentivar esta devoção, o Papa Pio IX concedeu, em 1872, cem dias de indulgência a todos os que o usarem e rezarem um pai-nosso, ave-maria e glória.

Em alguns “Detém-te”, como os que foram usados pelos contrarrevolucionários franceses, desenhou-se um Sagrado Coração coroado por uma cruz e com as palavras “Le Roi” (“O Rei”), reconhecendo a Cristo como o verdadeiro Rei da França e de todos os corações.

O “Detém-te” foi usado também no México pelos cristeros, que pegaram em armas contra o governo anticristão entre 1926-1929. Seu emblema trazia a legenda “Detém-te, inimigo mau; o Coração de Jesus está comigo”.

Recorreram ao “Detém-te”, ainda, os católicos cubanos que combateram contra o regime castrista, pois tinham especial devoção ao Sagrado Coração de Jesus. Seu emblema dizia: “Detém-te, bala inimiga, que o Coração de Jesus está comigo”.

Ao recitarmos a jaculatória do “Detém-te”, renegamos as obras do mundo, do diabo e da carne e, ao mesmo tempo, solicitamos a proteção daquele que nos amou sem poupar esforços para conseguir o amor dos homens (palavras literais de Nosso Senhor a Santa Margarida Maria Alacoque).

O Papa Pio XII, a respeito da devoção ao Sagrado Coração de Jesus, declarou considerá-la “a mais completa profissão da religião cristã” (encíclica Haurietis Aquas, 15/05/1956).




Sábado, 10/06/2017 - A partir do blog Senza Pagare / Aleteia
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...