Mensagens de Nossa Senhora em Medjugorje no dia 02/12/2017

“Queridos filhos, Me dirijo a vocês como sua Mãe, a Mãe dos justos, a Mãe daqueles que amam e sofrem, a Mãe dos santos.

Filhos Meus, também vocês podem ser santos: depende de vocês. Santos são aqueles que amam imensamente o Pai Celestial, aqueles que O amam acima de tudo.

Por isso, filhos Meus, procurem ser sempre melhores. Se procuraram ser bons, podem ser santos, também se não pensam isto de vocês. Se vocês pensam ser bons, não são humildes e a soberba os distancia da santidade.

Neste mundo inquieto, cheio de ameaças, as suas mãos, apóstolos do Meu amor, devem estar estendidas em oração e em misericórdia. Para mim, filhos Meus, presenteiem o Rosário, as rosas que tanto amo!

As Minhas rosas são as suas orações feitas com o coração e não somente recitadas com os lábios. As minhas rosas são as suas obras de oração, de fé e de amor.

Quando era pequeno, Meu Filho me dizia que os Meus filhos seriam numerosos e que me trariam muitas rosas.

Eu não compreendia, agora sei que vocês são aqueles filhos, que trazem rosas quando amam o Meu Filho acima de tudo, quando rezam com o coração, que ajudam os mais pobres. Estas são as Minhas rosas!

Esta é a fé, que faz que tudo na vida se faça por amor; que não conhece a soberba; que perdoa sempre prontamente, sem nunca julgar e procurando sempre compreender o próprio irmão.

Por isso, apóstolos do Meu amor, rezem por aqueles que não sabem amar, por aqueles que não os amam, por aqueles que os fizeram mal, por aqueles que não conheceram o Amor de Meu Filho. Filhos Meus, os peço isto para que lembrem que rezar significa amar e perdoar. Obrigada !”

OBS: Esta mensagem é um carinho de Nossa Senhora para você... As matérias do blog seguem abaixo, aproveite!

10 atitudes do verdadeiro devoto de Nossa Senhora

O verdadeiro devoto de Maria receberá toda graça e bênção celestial e, depois da morte, terá o Céu como recompensa!

É, sem dúvida, imensa a felicidade daqueles que são verdadeiros devotos da Mãe de Deus, pois viverão sempre felizes: receberão todas as graças e bênçãos celestiais e, depois da morte, terão o Céu como recompensa.

Vejamos o que faz o devoto de Maria:

1) Antes de tudo, ele procura conhecer bem a vida e as virtudes de sua Mãe. Há de ler livros que falam do poder, da grandeza e da bondade dela. Não é possível que haja quem não conheça de perto e a fundo o extraordinário prodígio que é a Mãe de Jesus.
 2) O devoto da Virgem Imaculada recorre muitas vezes a ela. Conversa familiarmente com sua Mãe, como faz o bom filho com sua mãe terrena. Confia a ela suas mágoas, seus aborrecimentos, suas dúvidas e receios, na certeza de que ela se interessa por ele e o ajuda. Nossa Senhora gosta que confiemos cegamente nela e que lhe peçamos muitas graças.
 3) O devoto de Maria gosta de visitá-la nas igrejas e santuários. Aprecia as suas imagens. Faz romarias aos lugares especiais onde ela atende tantas vezes tão maravilhosamente.
 4) Aquele que ama a Virgem Maria conhece as principais festas marianas e se prepara bem para elas, com orações especiais, mortificações e novenas.
 5) O devoto da Virgem Santíssima traz com devoção ao menos uma medalha com a sua efígie. Inscreve-se em confrarias marianas, procura receber o escapulário de Nossa Senhora do Carmo e o veste com todo o fervor.
 6) O devoto da Imaculada agradece por não ter sido abandonado, apesar das suas muitas ingratidões. Agradece pelos numerosos benefícios obtidos por intermédio dela: todas as graças que temos recebido passaram pelas mãos maternais de Maria.
 7) O devoto de Maria gostará de rezar o terço, oração predileta da Rainha do Santo Rosário. Cantará com prazer cânticos marianos e apreciará tudo o que se refere à Mãe Celestial.
 8) Quem ama de fato a Maria se entregará totalmente a ela com uma consagração irrevogável. Fará tudo para lhe agradar. Ficará feliz por sabê-la tão grande, tão poderosa, tão bela e tão feliz. Dirá muitas vezes: “Maria, sou vosso e vosso quero ser sempre!”
 9) O devoto de Maria procurará evitar tudo o que possa ofender a ela e ao seu Filho Jesus.
 10) Por fim, e isto é o essencial, o devoto da Virgem Maria procurará imitá-la: procurará copiar as suas virtudes e ser semelhante a ela na medida de suas forças.
Quanto mais agradáveis formos a Maria, tanto mais alegraremos o coração de Nosso Senhor.

Considere-se o verdadeiro devoto da Mãe de Deus muito feliz, pois terá todos os auxílios necessários e abundantes neste mundo e a glória celestial no outro.


Como Maria Santíssima é boa!


A partir de texto do frei Cancio Berri, C. F. M


Quinta, 04/05/2017 - Aleteia
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...