Mensagens de Nossa Senhora em Medjugorje no dia 02/09/2017

Queridos filhos !

Quem melhor do que EU poderia falar para vocês do Amor e da existência do MEU FILHO ?

Vivi com ELE, EU sofri com ele, vivendo a vida terrena, EU provei da dor porque era MÃE.

MEU FILHO amou com pensamentos e obras o PAI CELESTIAL, o DEUS VERDADEIRO, e como ME dizia veio para redimi-los. EU escondi a minha dor com o amor. Vocês, filhos MEUS, tem numerosas perguntas, não compreendem a dor, não compreendem que através do Amor de Deus devem aceitar a dor e suportá-la. Todas as pessoas provam-na em maior ou menor medida, mas com a paz na alma e em estado de graça a esperança existe.

Este é o MEU FILHO, DEUS, nascido de DEUS. As SUAS PALAVRAS são sementes de Vida Eterna e semeadas nas boas almas produzem muitos frutos.

MEU FILHO suportou a dor porque tomou para si os pecados de vocês.

Por isso vocês, filhos MEUS, Apóstolos do MEU Amor, vocês que sofrem, saibam que as suas dores se tornarão luz e glória.

Filhos MEUS, enquanto vocês suportam a dor o CÉU entra em vocês, e em todos em torno de vocês é dado um pouco de Céu e muita esperança !

Obrigada !

OBS: Esta mensagem é um carinho de Nossa Senhora para você... As matérias do blog seguem abaixo, aproveite!

Nunca é tarde demais para mudar

Chega de arrependimentos sobre o passado, agora é a hora de ressuscitar as esperanças e sonhos, e colocá-los em ação.


Como muitas pessoas, tenho uma pilha de papéis na minha mesa que silenciosamente zomba de mim toda vez que eu olho em sua direção. Atualmente, consiste em recibos antigos para declaração de impostos, notas de agradecimento em branco que precisam ser preenchidas, uma lista de tarefas e todos os tipos de notas relacionadas ao trabalho e livros com leitura pela metade. Eu desenvolvi uma maneira única e eficiente para lidar com a bagunça: Primeiro, eu esqueço tudo sobre isso até que fique sem importância. Em seguida, eu jogo tudo fora, varrendo em um movimento rápido para a lixeira. Um método horrível, eu sei, mas por alguma razão eu sou capaz de fazer as pazes com a pilha de papel. Antes tarde do que nunca, parece.


Agora que está começando um novo ano, alguns de nós podemos pensar em todos os sonhos, ambições e esperanças que tivemos no ano passado e que ainda não cumprimos. Ou talvez alguns de nós estejamos tão distraídos e ocupados que o ano novo passou sem aviso prévio. Parece um pouco tarde agora para refletir sobre o passado e fazer uma decisão para o futuro, e talvez seja melhor simplesmente esquecer os sonhos que nunca se materializaram. Mas, mesmo que os compromissos passados ainda não tenham sido seguidos, não desista e não arraste seus sonhos para a lixeira – o velho ditado é verdade: antes tarde do que nunca.

Recentemente, passei um tempo com uma amiga da faculdade chamada Melinda, e do nada ela lembrou sobre o tempo que ela nos visitou há dez anos em Cape Cod, quando minha esposa e eu estávamos esperando nosso primeiro filho. Minha mãe montou um grupo de mulheres para fazer um chá de bebê e Melinda era uma delas. Aparentemente, ela não trouxe nenhum presente. “Foi o primeiro chá de bebê que eu estive, mas ainda assim, eu era uma adulta e devia conhecer melhor!”, ela disse, “Eu não sei o que eu estava fazendo. Não posso acreditar. Então… desculpe?”. Minha esposa Amber e eu rimos enquanto ela contava a história. Não tínhamos lembrança de que ela não tinha dado nenhum presente, não percebemos isso no momento, nem guardamos qualquer rancor. Para nós, não foi um problema. Mas o pedido de desculpas foi apreciado.

Nunca é tarde demais para corrigir um erro ou algo que aconteceu no passado. No ano de 2000, o Papa João Paulo II pediu desculpas publicamente pelos pecados dos cristãos do passado que agiram em nome da Igreja. O pedido de desculpas foi amplo pelos eventos que tinham acontecido séculos antes. Para ele, era melhor que o pedido de desculpas fosse feito tarde do que nunca fosse feito, mesmo que fazê-lo tão tarde possa ter sido embaraçoso. Ele estava certo – havia uma sensação de cura que veio com suas palavras.

Outro exemplo de antes tarde do que nunca é a história de Shirley Shafranek, que se tornou freira em 2011 com 59 anos. Nessa idade, a maioria de nós pode pensar que o tempo para assumir novos desafios da vida já passou. A irmã Shirley até mesmo admite: “O chamado estava sempre dentro de mim, mas eu escolhi ignorá-lo por um tempo”. Ao invés de continuar ignorando seu sonho afirmando que ela era muito velha ou que era tarde demais, ela deu um passo ousado e encontrou a felicidade.

O que quer que esteja em sua mente para enfrentar nesse ano novo – as decisões que não foram cumpridas, os sonhos deixados, hesitação diante de um futuro incerto – não deixe que nada o retenha. Não há nada de embaraçoso em aparecer tarde para a festa e nada na vida é uma causa perdida. Nunca há um momento melhor para você do que agora.

Texto Original: http://forher.aleteia.org/articles/never-late-make-change/


Segunda, 16/01/2017 - Michael Rennier / Aleteia
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...