Mensagens de Nossa Senhora em Medjugorje no dia 02/03/2019

“Queridos filhos, os chamo apóstolos do MEU AMOR. Os mostro o MEU FILHO, que é a VERDADEIRA PAZ e o VERDADEIRO AMOR. Como MÃE mediante a GRAÇA DIVINA, desejo guiá-los até ELE. Filhos MEUS, por isto os convido a observarem a vocês mesmos em direção ao MEU FILHO, a olharem para ELE com o coração e verem com o coração onde vocês estão e para onde está andando a vida de vocês. Filhos MEUS, os convido a compreenderem que vocês vivem graças ao MEU FILHO, graças ao SEU AMOR e ao SEU SACRIFÍCIO. Vocês pedem ao MEU FILHO para ser clemente com vocês, mas EU os convido à MISERICÓRDIA. Vocês pedem a ELE para ser BOM com vocês e a perdoá-los, mas já a quanto tempo EU peço a vocês, MEUS filhos, de perdoarem e de amarem a todas as pessoas que encontrarem. Quando vocês compreenderem com o coração as MINHAS PALAVRAS, compreenderão e conhecerão o VERDADEIRO AMOR, e poderão ser apóstolos deste AMOR, MEUS apóstolos, meus queridos filhos.
Obrigada !”

OBS: Esta mensagem é um carinho de Nossa Senhora para você... As matérias do blog seguem abaixo, aproveite!

Papa Francisco convoca sínodo sobre os jovens para 2018

“Os jovens, a fé e o discernimento vocacional” é o tema da XV Assembleia do Sínodo dos Bispos, que se realizará em outubro de 2018.


O papa Francisco convocou para outubro de 2018 um sínodo, ou assembleia de bispos de todo o mundo, sobre os jovens e os novos modelos de vida, anunciou o Vaticano.

Os bispos de todas as regiões do planeta se reunirão no Vaticano para debater sobre as mudanças que afetam a juventude, a fé e o “discernimento vocacional”.

A decisão do pontífice foi adotada após consultas às conferências episcopais e depois de ouvir as observações dos padres sinodais nas assembleias passadas, dedicadas à família.

A Igreja Católica deseja “acompanhar os jovens em seu caminho existencial até a maturidade”, de maneira a enfrentar a crise de vocações que a afeta atualmente.

Em muitos países caiu o número de jovens que desejam ser padres ou dedicar-se à vida religiosa, um fenômeno que preocupa a hierarquia da Igreja Católica.

Em outubro de 2014 e 2015, durante os dois sínodos dedicados à família, as divisões dentro da Igreja ante as mudanças sociais se tornaram evidentes.

Após as deliberações, o papa Francisco divulgou em abril sua segunda exortação apostólica, “Laetitia Amoris” (“A alegria do amor”), um documento que estabelece as diretrizes da Igreja sobre a família, o amor e o casamento.

O documento, fruto dos dois encontros, convida a integrar na vida da Igreja as “famílias feridas” e os “casados em segundas núpcias”, um princípio que deverá ser aplicado caso por caso.


Quinta, 06/10/2016 - Agências de Notícias / Aleteia
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...