Mensagens de Nossa Senhora em Medjugorje no dia 02/12/2017

“Queridos filhos, Me dirijo a vocês como sua Mãe, a Mãe dos justos, a Mãe daqueles que amam e sofrem, a Mãe dos santos.

Filhos Meus, também vocês podem ser santos: depende de vocês. Santos são aqueles que amam imensamente o Pai Celestial, aqueles que O amam acima de tudo.

Por isso, filhos Meus, procurem ser sempre melhores. Se procuraram ser bons, podem ser santos, também se não pensam isto de vocês. Se vocês pensam ser bons, não são humildes e a soberba os distancia da santidade.

Neste mundo inquieto, cheio de ameaças, as suas mãos, apóstolos do Meu amor, devem estar estendidas em oração e em misericórdia. Para mim, filhos Meus, presenteiem o Rosário, as rosas que tanto amo!

As Minhas rosas são as suas orações feitas com o coração e não somente recitadas com os lábios. As minhas rosas são as suas obras de oração, de fé e de amor.

Quando era pequeno, Meu Filho me dizia que os Meus filhos seriam numerosos e que me trariam muitas rosas.

Eu não compreendia, agora sei que vocês são aqueles filhos, que trazem rosas quando amam o Meu Filho acima de tudo, quando rezam com o coração, que ajudam os mais pobres. Estas são as Minhas rosas!

Esta é a fé, que faz que tudo na vida se faça por amor; que não conhece a soberba; que perdoa sempre prontamente, sem nunca julgar e procurando sempre compreender o próprio irmão.

Por isso, apóstolos do Meu amor, rezem por aqueles que não sabem amar, por aqueles que não os amam, por aqueles que os fizeram mal, por aqueles que não conheceram o Amor de Meu Filho. Filhos Meus, os peço isto para que lembrem que rezar significa amar e perdoar. Obrigada !”

OBS: Esta mensagem é um carinho de Nossa Senhora para você... As matérias do blog seguem abaixo, aproveite!

Meninos com Down abrem a própria empresa de pizzas e fazem o maior sucesso

Uma história que dá muito gosto de ler e compartilhar!


Muitos jovens têm ideias inovadoras e uma vontade enorme de trabalhar. Assim, eles saem em busca de seus objetivos e acabam muitas vezes dando certo no mercado de trabalho. Um exemplo claro é a história que você verá abaixo, que são daquelas que dá muito gosto de ler e compartilhar.

Uma empresa chamada Los Perejiles, em San Isidro, na Argentina, prepara pizzas e empanadas para eventos e vem chamando atenção de muita gente.


Você liga, eles vão até onde a festa irá acontecer, cozinham e depois ainda deixam tudo limpinho! O melhor de tudo, é que a vontade de trabalhar e a alegria em fazer seu ofício é simplesmente contagiante!

A ideia veio de seis jovens com Síndrome de Down, que tinham muita vontade de trabalhar, mas não conseguiam vagas adequadas no mercado. Então, eles resolveram ter o seu próprio negócio. Assim fizeram, se lançaram no mercado e apenas dois meses depois de divulgarem suas habilidades, eles já tinha 24 eventos marcados.

Além de tudo, os meninos têm a colaboração de dois profissionais de um trailer chamado “Sumando”, o qual trabalham com pessoas com Síndrome de Down. Um dos professores voluntários desse trailer, Telam Lopez, foi um dos gestores desse projeto audacioso.

Los Perejiles começou a nascer quando expomos para as mães desses meninos as dificuldade do trabalho, porque os meninos estavam indo para um colégio especial onde os formam supostamente para o mercado de trabalho, mas logo eles acabam parando por ali mesmo”, explicou.

Junto de outro professor, Kevin Degirmenci, foi nesse trailer que os meninos aprenderam a se desenvolver de maneira mais efetiva, dentro e fora de casa. “Aqui temos crianças que não sabiam fazer nem um sanduíche para sua merenda, cruzar a rua ou fazer os afazeres domésticos; alguns tiveram aos 20 anos uma chave de casa”, conta Kevin.

Sem dúvida alguma, uma das grandes virtudes dessa empresa é a organização. A cada evento que são contratados, os Prejiles já chegam com seus utensílios e ingredientes. As tarefas são distribuídas entre os cozinheiros oficias e os garçons. Todas as festas onde trabalham, não existem perguntas desnecessárias ou olhares que tratam os meninos de maneira diferente.


no Facebook.


Uma das maiores lições que esses jovens dão é que não existe limites para suas habilidades e que eles não precisam da piedade alheia, mas sim, oportunidade para mostrar seus talentos.


Você pode acompanhar a história deles em sua página no Facebook.



Segunda, 10/10/2016 - Best of Web / Aleteia
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...