Mensagens de Nossa Senhora em Medjugorje no dia 02/02/2019

“Queridos filhos,

O AMOR e a BONDADE do PAI CELESTIAL os dá revelações que fazem com que a fé em vocês cresça e se compreenda, e os traga paz, segurança e esperança.

Assim também eu, filhos MEUS, por meio do AMOR MISERICORDIOSO do PAI CELESTIAL sempre e novamente os mostro a estrada em direção ao MEU FILHO, em direção à SALVAÇÃO ETERNA. Mas, infelizmente, muitos dos MEUS filhos não querem me escutar, e muitos dos MEUS filhos duvidam.

Mas EU, EU sempre e em todos os tempos, louvei o SENHOR por tudo aquilo que ELE fez em MIM e por meio de MIM. MEU FILHO se dá a vocês, divide o pão com vocês, os dá palavras de VIDA ETERNA, a fim que EU as leve a todos. Vocês, filhos MEUS, apóstolos do MEU AMOR, do que vocês tem medo quando MEU FILHO está com vocês ?

Ofereçam-LHE as suas almas, a fim de que ELE possa morar nelas, e possa fazer de vocês instrumentos da FÉ e instrumentos do AMOR.

Filhos MEUS, vivam o EVANGELHO, vivam o AMOR MISERICORDIOSO ao próximo, e, acima de tudo, vivam o AMOR ao PAI CELESTIAL. Filhos MEUS, vocês não estão juntos por acaso, o PAI CELESTIAL não une ninguém por acaso. O MEU FILHO fala às suas ALMAS e eu faço aos seus CORAÇÕES.

Como MÃE, EU digo a vocês: caminhem COMIGO, amem-se uns aos outros, testemunhem. Não tenham medo, com o seu exemplo, de defender a VIDA, a PALAVRA DE DEUS que é ETERNA e que não muda nunca. Filhos MEUS, quem trabalha na LUZ DO AMOR MISERICORDIOSO e na VERDADE é sempre ajudado pelo CÉU e nunca está sozinho.

Apóstolos do MEU AMOR, que vocês sejam reconhecidos, sempre, entre todos os outros, pelo seu escondimento, pelo seu amor e pela sua serenidade. EU estou com vocês. Obrigada.”

OBS: Esta mensagem é um carinho de Nossa Senhora para você... As matérias do blog seguem abaixo, aproveite!

A Santa Sé condena o massacre na boate gay de Orlando e se solidariza com as vítimas

50 mortos e mais de 50 feridos em "manifestação de loucura homicida e ódio insensato".


50 mortos e mais de 50 feridos foram o resultado de um ataque perpetrado neste domingo em Orlando, nos Estados Unidos, contra frequentadores de um clube noturno gay. O assassino foi um cidadão norte-americano de origem afegã, residente na Flórida e identificado como Omar Mri Saddiqi Mateen. Os disparos começaram depois que um policial o surpreendeu no local com duas armas de fogo. O agressor se atrincheirou no recinto fazendo vários reféns. Horas depois do massacre, quando o próprio atirador já tinha sido morto pela polícia, vieram à tona diversas informações sobre seus desequilíbrios mentais, sua agressividade, seu ódio exacerbado pelos homossexuais e seu possível vínculo com o grupo terrorista Estado Islâmico – o qual se declarou idealizador da chacina.

A Santa Sé emitiu um comunicado declarando que “o terrível massacre ocorrido em Orlando, com número altíssimo de vítimas inocentes, suscitou no Papa Francisco e em todos nós os sentimentos mais profundos de execração e de condenação, de dor e de sofrimento diante desta nova manifestação de loucura homicida e ódio insensato”.

“O Papa Francisco se une em oração e compaixão ao sofrimento indescritível das famílias das vítimas e dos feridos e os confia ao Senhor, para que possam encontrar consolação”, prossegue o comunicado.

A mensagem pede ainda que “se identifiquem e combatam eficazmente, o antes possível, as causas desta violência horrível e absurda, que perturba tão profundamente o desejo de paz do povo norte-americano e de toda a humanidade”.


Segunda, 13/06/2016 - Alvaro Real / Aleteia
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...