Mensagens de Nossa Senhora em Medjugorje no dia 02/02/2018

Queridos filhos !

Vocês a quem o MEU FILHO ama, vocês a quem EU amo imensamente com o MEU AMOR MATERNO, não permitam que o egoísmo e o amar muito a si mesmo reinem no mundo. Não permitam que o amor e a bondade fiquem escondidos. Vocês que são amados, vocês que conheceram o AMOR do MEU FILHO, lembrem-se que ser amado significa amar. Filhos MEUS, tenham fé: quando vocês tem fé, vocês são felizes e difundem a paz. As suas almas exultam de alegria. Nestas almas está o MEU FILHO: quando se doam pela fé, quando se doam pelo amor, quando fazem o bem ao próximo, o MEU FILHO sorri em suas almas. Apóstolos do MEU AMOR, ME dirijo a vocês como MÃE, os reúno em torno de MIM porque desejo conduzí-los no caminho do AMOR e da FÉ, no caminho que leva até a LUZ DO MUNDO. EU estou aqui pelo AMOR e pela FÈ; porque desejo abençoá-los, porque EU desejo, com a MINHA BENÇÂO MATERNA, dar a vocês força e esperança no seu caminho. Porque a estrada que conduz ao MEU FILHO não é fácil, é cheia de renúncias, de dar-se, do sacrifício, do perdão e muito, muito amor mas este caminho conduz à paz e à alegria. Filhos MEUS, não acreditem nas vozes falsas que falam de coisas falsas e de luzes falsas: vocês, filhos MEUS, voltem para a SAGRADA ESCRITURA. Com imenso amor EU os vejo e, PELA GRAÇA DE DEUS, EU ME MANIFESTO A VOCÊS. Filhos Meus, caminham COMIGO. Que as almas de vocês exultem de alegria.

Obrigada.

OBS: Esta mensagem é um carinho de Nossa Senhora para você... As matérias do blog seguem abaixo, aproveite!

Bispo também é cidadão: a indignação de dois prelados com a crise moral do Brasil

Dom Henrique Soares da Costa, de Palmares, PE, e Dom Antonio Carlos Rossi Keller, de Frederico Westphalen, RS.


Bispos brasileiros começam a se manifestar publicamente, através de seus perfis no Facebook, a propósito da crise moral que assola o país – e sofrem ataques por isso.

Dom Henrique Soares da Costa
Bispo de Palmares, PE:


A situação do nosso País é gravíssima:
crise econômica,
crise política,
crise institucional,
crise moral!


A democracia brasileira corre perigo!
O País foi roubado dos brasileiros!


Os que governam se sentem dispensados de dar satisfações ao Povo;
não respeitam as instituições,
zombam da justiça!
A sordidez, a desfaçatez e o escárnio tornaram-se método de governar e fazer política!


O Congresso Nacional trai e abandona o Povo brasileiro!
Cargos, comissões, sinecuras: é tudo quanto nossos parlamentares procuram!
Congresso indigno, Congresso omisso, eivado pela tortuosidade!
É preciso dar um basta a tudo isto!
O Povo brasileiro deve retomar o seu País,
deve recobrar a sua Pátria,
a sua dignidade,
a sua honradez!
O Brasil está desonrado,
o Povo brasileiro está ferido em sua dignidade!


É o futuro da Pátria que está em jogo!
É preciso cobrar com convicção e firmeza um posicionamento claro do Congresso Nacional! Mas, como, com os líderes que estão ali?
Enquanto isto, crise, desemprego, tensão, desânimo, total falta de esperança!
O Brasil não tem líderes!


Estão destruindo a jovem democracia brasileira,
estão colocando em risco o que se construiu com tanto sacrifício!
Que o Povo não o permita!
Que o Povo fale! Que o Povo brade!
O Brasil é dos brasileiros!

_____

Dom Antonio Carlos Rossi Keller
Bispo de Frederico Westphalen, RS:


De início, quero deixar claro que esta postagem não tem direcionamento partidário. Vivemos hoje, no Brasil, uma situação constrangedora: em todas as agremiações partidárias, o mal da corrupção apresenta-se como uma sombra vergonhosa.

O Brasil para os brasileiros! Fomos roubados: roubaram nossa esperança, nosso futuro, nossa dignidade, muito mais do que o nosso dinheiro. Somos um povo doente, sem horizontes. Prevaleceram-se de nosso comodismo, de nossa incapacidade de reação. Compraram nossa consciência cidadã com bolsas, programas, “pacs”, copas e olimpíadas. Mudaram o rumo de nossa história, impingindo-nos ideologias inaceitáveis. Venderam nosso país a lobbies, que despejam aqui rios de dinheiro, para mudar os rumos de nossa vocação cristã-católica. Perdemos quase tudo. Agora, querem nos fazer acreditar que tantos escândalos, desvendados a duras penas, não são verdadeiros, nada mais são do que disputa política. É preciso dar um basta a tanta pouca vergonha. É preciso, antes de tudo, resgatar o Brasil e a nacionalidade. Este país precisa ressurgir dos escombros a que foi reduzido. Mais do que nunca, é preciso recomeçar a ser brasileiro. O Brasil e os brasileiros não merecemos tanta humilhação e tanta vergonha.


Sexta, 18/03/2016 - Aleteia / Postado por: Paulo Alves
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...