Mensagens de Nossa Senhora em Medjugorje no dia 02/02/2018

Queridos filhos !

Vocês a quem o MEU FILHO ama, vocês a quem EU amo imensamente com o MEU AMOR MATERNO, não permitam que o egoísmo e o amar muito a si mesmo reinem no mundo. Não permitam que o amor e a bondade fiquem escondidos. Vocês que são amados, vocês que conheceram o AMOR do MEU FILHO, lembrem-se que ser amado significa amar. Filhos MEUS, tenham fé: quando vocês tem fé, vocês são felizes e difundem a paz. As suas almas exultam de alegria. Nestas almas está o MEU FILHO: quando se doam pela fé, quando se doam pelo amor, quando fazem o bem ao próximo, o MEU FILHO sorri em suas almas. Apóstolos do MEU AMOR, ME dirijo a vocês como MÃE, os reúno em torno de MIM porque desejo conduzí-los no caminho do AMOR e da FÉ, no caminho que leva até a LUZ DO MUNDO. EU estou aqui pelo AMOR e pela FÈ; porque desejo abençoá-los, porque EU desejo, com a MINHA BENÇÂO MATERNA, dar a vocês força e esperança no seu caminho. Porque a estrada que conduz ao MEU FILHO não é fácil, é cheia de renúncias, de dar-se, do sacrifício, do perdão e muito, muito amor mas este caminho conduz à paz e à alegria. Filhos MEUS, não acreditem nas vozes falsas que falam de coisas falsas e de luzes falsas: vocês, filhos MEUS, voltem para a SAGRADA ESCRITURA. Com imenso amor EU os vejo e, PELA GRAÇA DE DEUS, EU ME MANIFESTO A VOCÊS. Filhos Meus, caminham COMIGO. Que as almas de vocês exultem de alegria.

Obrigada.

OBS: Esta mensagem é um carinho de Nossa Senhora para você... As matérias do blog seguem abaixo, aproveite!

Ronaldinho Gaúcho e Papa Francisco: juntos pela paz

A segunda edição do amistoso de futebol inter-religioso será realizada em Roma no dia 29 de maio.


Craques do futebol internacional jogarão a segunda partida inter-religiosa pela paz, convocada pelo Papa Francisco para o próximo dia 29 de maio, no estádio olímpico de Roma.

O ex-jogador da seleção brasileira Ronaldinho Gaúcho, e o jogador Bryan Ruiz, o presidente da liga espanhola, Javier Tebas, e o presidente da Conmebol, Alejandro Domínguez, apoiaram a iniciativa do Papa no Vaticano, durante o Congresso Mundial de Scholas Ocurrentes.

“A partida pela paz pretende demonstrar que somos capazes de fazer paz com o jogo, com a arte. Eu convido vocês a acompanharem este jogo”, disse Francisco.

A primeira partida de futebol inter-religioso pela paz foi realizada no dia 1º de setembro de 2014, e contou com personalidades como Iván Córdoba, Eto’o, José Chamot, Javier Zanetti, Diego Simeone, Cristian Ledesma, Carlos Valderrama, Alessandro Del Piero, Iván Zamorano, Francesco Toldo, Andriy Shevchenko, Mauro Icardi, Gianluigi Buffon e Gabriel Heinze, entre outros.

Naquela ocasião, o Papa lançou um convite aos que participavam: “Abram seus corações de irmãos a irmãos! Este é um dos segredos da vida: abrir os corações – e também a dimensão mais profunda e autêntica do esporte”.

A partida amistosa entre jogadores de diversos times e de todo tipo de religião e confissão cristã também é solidária, já que o dinheiro arrecadado será destinado a projetos educativos e de inclusão social.


Segunda,15/02/2016 - Aleteia / Postado por: Paulo Alves
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...