Mensagens de Nossa Senhora em Medjugorje no dia 02/08/2018

“Queridos filhos,

Com amor materno os convido a abrirem os seus corações à paz, a abrirem os seus corações ao MEU FILHO, a cantar em seus corações o amor ao MEU FILHO, porque somente através deste amor chega a paz da alma.

Filhos MEUS, EU sei que vocês tem a bondade, sei que vocês tem o amor, o amor misericordioso. Mas, muitos dos MEUS filhos ainda tem os corações fechados, pensam que podem agir sem colocar os seus pensamentos ao PAI CELESTIAL que ilumina, diante do MEU FILHO que está sempre e novamente com vocês na EUCARISTIA e que deseja ouvi-los.

Filhos Meus, porque não falam para eles ? A vida de cada um de vocês é importante e preciosa porque é um dom do PAI CELESTIAL para a ETERNIDADE, por isso nunca se esqueçam de agradecê-LO e falar com ELE.

Eu sei, filhos MEUS, que para vocês é desconhecido aquilo que virá depois, porém quando chegar o “depois” de vocês, terão todas as respostas. O MEU amor materno deseja que vocês estejam prontos.

Filhos MEUS, com a vida de vocês coloquem sentimentos bons nos corações das pessoas que vocês encontrarem, sentimentos de paz, de bondade, de amor e de perdão. Através da oração escutem o que lhes diz o MEU FILHO e assim o façam.

Novamente os convido a rezarem pelos seus sacerdotes, por aqueles a quem o MEU FILHO chamou; lembrem-se que eles tem necessidade de orações e de amor.

Obrigada.”

OBS: Esta mensagem é um carinho de Nossa Senhora para você... As matérias do blog seguem abaixo, aproveite!

Oração dos “idosos” de todas as idades – inclusive dos idosos de 18 anos

Senhor,
tu sabes melhor do que eu
que estou envelhecendo a cada dia.
Livra-me, Senhor, da tolice de achar
que devo dizer algo em toda e qualquer ocasião.

Livra-me, também, Senhor,
deste desejo enorme que tenho
de pôr em ordem a vida dos outros.
Ensina-me a pensar nos outros e a ajudá-los,
sem jamais me impor sobre eles,
mesmo considerando com modéstia
a sabedoria que acumulei
e que penso ser uma lástima não passar adiante.

Sabes, Senhor, que desejo preservar alguns amigos
e uma boa relação com os filhos
e que só se preservam os amigos e os filhos
quando não há intromissão na vida deles.
Livra-me, também, Senhor,
da tolice de querer contar tudo com detalhes
e dá-me asas para voar diretamente ao que interessa.

Não me permitas falar mal de alguém.
Ensina-me a fazer silêncio sobre minhas dores e doenças.
Elas estão aumentando e, com isso,
a vontade de descrevê-las vai crescendo a cada ano.
Não ouso pedir o dom de ouvir com alegria
a descrição das doenças alheias; seria pedir muito.

Mas, ensina-me, Senhor, a suportar ouvi-las com paciência.
Ensina-me a maravilhosa sabedoria de reconhecer
que posso estar errado em muitas ocasiões.
Já descobri que as pessoas que acertam sempre não existem.
E, sobretudo, Senhor, nesta prece de envelhecimento, eu te peço:
Mantém-me o mais amável possível.

Livra-me de pensar que sou santo.
Ajuda-me a ser santo em vez de pensar que sou.
E que, por meio da minha vida que te pertence,
Tu rejuvenesças sempre mais a mim e a todos ao meu redor!

Assim seja!

Sexta, 27/11/2015 - Aleteia / Postado por: Paulo Alves
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...