Mensagens de Nossa Senhora em Medjugorje no dia 02/11/2017

“Queridos filhos, olhando vocês em torno de Mim, em torno da sua Mãe, Eu estou vendo muitas almas puras, vejo muitos dos Meus filhos que estão procurando amor e consolação, mas ninguém está oferecendo isso a eles.

Também vejo aqueles que fazem o mal, porque não têm bons exemplos, não conheceram Meu Filho, aquele bem que é silencioso, que se difunde através das almas puras, que é a força que reforça o mundo.

Existem muitos pecados, mas também muito amor. o Meu Filho Me envia, como Mãe, a mesma igual para todos, para que Eu vos ensine o Amor, para que vocês compreendam que são irmãos.

Ele deseja vos ajudar. Apóstolos do Meu Amor, é suficiente o desejo vivo da fé e do Amor, o Meu Filho o aceitará.

Mas vocês têm que ser dignos, ter boa vontade e um coração aberto. O Meu Filho entra nos corações abertos. Eu, como Mãe, desejo que vocês conheçam o melhor possível o Meu Filho, Deus, nascido de Deus, para que vocês conheçam a grandeza do Seu Amor, o qual vocês tanto precisam.

Ele aceitou os seus pecados, conseguiu a Redenção para vocês, mas em troca procura que vocês amem-se uns aos outros. O Meu Filho é Amor. Ele ama todo ser humano, sem diferença, todas as pessoas de todos os povos e nações.

Se vocês, Meus Filhos, vivessem o Amor do Meu Filho, o Seu Reinado já estaria na Terra. Por isso, Apóstolos do Meu Amor, rezem, rezem para que o Meu Filho e Seu Amor estejam mais próximos de vocês, para que vocês sejam exemplos de Amor e possam ajudar àqueles que ainda não conhecem o Meu Filho.

Nunca esqueçam que o Meu Filho, Uno e Trino, Ama. Amem e rezem pelos seus sacerdotes. Obrigada.”

OBS: Esta mensagem é um carinho de Nossa Senhora para você... As matérias do blog seguem abaixo, aproveite!

Xodó dos bispos: o mais jovem participante da história do sínodo da família tem… 4 meses de idade!

Nem o papa teve chance: Davide entrou na Sala Nova do Sínodo a bordo de seu carrinho e, entre fraldas e mamadeiras, virou o centro das atenções.


O mais jovem participante da história do sínodo dos bispos, assembleia instituída por Paulo VI há cinquenta anos, entrou pela grande porta da Sala Nova do Sínodo a bordo de um carrinho empurrado por sua mãe, nesta segunda-feira, 5 de outubro, para se transformar na sensação do evento.


O italianinho Davide tem 4 meses de idade e é filho de um casal que faz parte do grupo de auditores nesta XIV Assembleia Geral Ordinária do Sínodo dos Bispos, dedicada à ”Vocação e a missão da família na Igreja e no mundo contemporâneo” (de 4 a 25 de outubro de 2015). Patrícia e Massimo Paloni, engajados na pastoral familiar e missionária, têm doze filhos. Davide é o caçula, enquanto o mais velho, de 19 anos, já frequenta a universidade.

“O Davide virou o xodó dos bispos. Todos querem uma foto com o ‘padre sinodal’ mais jovem da assembleia”, conta o pe. Manuel Dorantes, assistente da sala de imprensa do Vaticano para o idioma espanhol.


O choro e os sorrisos do pequeno, que, sem pretender protagonismo algum, acabou virando o símbolo da primeira jornada deste sínodo, transformaram o ar solene da assembleia. Depois de uma boa mamadeira, o menino guardou silêncio e permitiu que o papa Francisco fizesse o seu discurso de abertura. Agasalhado num cobertor de algodão, o bebê viveu comodamente o histórico evento que concentra as atenções de 270 padres sinodais dos quatro continentes.


Não demorou muito para que Davide solicitasse a atenção materna e passasse um tempo em seu colo.


Enquanto cardeais, arcebispos, sacerdotes, religiosos e especialistas conversavam, na pausa, para discernir sobre os quatro pontos fortes expostos na abertura pelo relator geral, a mãe de Davide preparava a segunda troca de fraldas da sessão, apetrechada de talco, lencinhos e outras utilidades.


Patrícia e Massimo Paloni são romanos e, desde 2004, vivem como missionários na diocese holandesa de Roermond, em Maastricht. Eles pertencem ao Caminho Neocatecumenal.



Quinta, 08/10/2015 - Fonte: Aleteia / Postado por: Paulo Alves
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...