Mensagens de Nossa Senhora em Medjugorje no dia 02/02/2018

Queridos filhos !

Vocês a quem o MEU FILHO ama, vocês a quem EU amo imensamente com o MEU AMOR MATERNO, não permitam que o egoísmo e o amar muito a si mesmo reinem no mundo. Não permitam que o amor e a bondade fiquem escondidos. Vocês que são amados, vocês que conheceram o AMOR do MEU FILHO, lembrem-se que ser amado significa amar. Filhos MEUS, tenham fé: quando vocês tem fé, vocês são felizes e difundem a paz. As suas almas exultam de alegria. Nestas almas está o MEU FILHO: quando se doam pela fé, quando se doam pelo amor, quando fazem o bem ao próximo, o MEU FILHO sorri em suas almas. Apóstolos do MEU AMOR, ME dirijo a vocês como MÃE, os reúno em torno de MIM porque desejo conduzí-los no caminho do AMOR e da FÉ, no caminho que leva até a LUZ DO MUNDO. EU estou aqui pelo AMOR e pela FÈ; porque desejo abençoá-los, porque EU desejo, com a MINHA BENÇÂO MATERNA, dar a vocês força e esperança no seu caminho. Porque a estrada que conduz ao MEU FILHO não é fácil, é cheia de renúncias, de dar-se, do sacrifício, do perdão e muito, muito amor mas este caminho conduz à paz e à alegria. Filhos MEUS, não acreditem nas vozes falsas que falam de coisas falsas e de luzes falsas: vocês, filhos MEUS, voltem para a SAGRADA ESCRITURA. Com imenso amor EU os vejo e, PELA GRAÇA DE DEUS, EU ME MANIFESTO A VOCÊS. Filhos Meus, caminham COMIGO. Que as almas de vocês exultem de alegria.

Obrigada.

OBS: Esta mensagem é um carinho de Nossa Senhora para você... As matérias do blog seguem abaixo, aproveite!

Papa Francisco pede perdão pelos últimos escândalos em Roma e no Vaticano

Durante esta manhã, ante milhares de fiéis reunidos na Praça de São Pedro, o Papa Francisco pediu perdão “pelos escândalos” que afetaram à Igreja em Roma e no Vaticano “nos últimos tempos”.

Antes da sua catequese durante a Audiência Geral desta quarta-feira, o Pontífice exclamou: “Antes de começar a catequese, quero pedir – em nome da Igreja – perdão pelos escândalos que foram cometidos nos últimos tempos, seja em Roma como no Vaticano. Peço perdão!”.


O Santo Padre explicou que “a palavra de Jesus hoje é forte: ‘ai do mundo por causa dos escândalos!’. Jesus é realista, diz que é inevitável que escândalos aconteçam, mas ‘ai do homem pelo qual o escândalo vem!’”.

Sua catequese foi dedicada às crianças, por isso o Pontífice explicou que normalmente “as crianças também podem ser feridas “por um ‘escândalo’ insuportável, ainda mais grave, dado que não têm os meios para decifrá-lo e não podem entender o que acontece”.

Além disso, advertiu que “a ternura e o misterioso laço de Deus com a alma das crianças nunca deveria ser violado”, “é uma relação real que Deus quer e que Ele cuida”.

O Papa Francisco não fez menção a nenhum escândalo em concreto, mas nas últimas semanas o Vaticano foi abalado pelo caso de Krystof Charamsa, um sacerdote polonês que trabalhava na Congregação para a Doutrina de Fé e que, primeiramente em uma entrevista a um jornal italiano e em seguida em uma coletiva de imprensa junto ao seu parceiro, anunciou publicamente sua homossexualidade.


Durante uma coletiva de imprensa sobre o Sínodo da Família, o porta-voz do Vaticano, Pe. Federico Lombardi disse a respeito que “o Papa falou acerca do escândalo da leitura – proclamada no começo da Audiência, através do qual Jesus adverte a respeito daqueles que escandalizam – e disse isto”. “Se o Papa usa uma fórmula geral, essa é a sua intenção. Não é o meu dever restringir o que o Papa quis dizer”.


Quarta, 14/10/2015 - ACI digital / Postado por: Paulo Alves
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...