Mensagens de Nossa Senhora em Medjugorje no dia 02/09/2018

Queridos filhos,

As Minhas palavras são simples, mas repletas de amor materno e de preocupação. Filhos MEUS, sobre vocês se alargam sempre mais as sombras das trevas e do engano, Eu os chamo em direção a luz e a verdade, Eu os chamo na direção de Meu Filho. Somente Ele pode converter o desespero e a dor em paz e serenidade, somente ELE pode dar esperança nas dores mais profundas. O MEU FILHO é a VIDA do mundo, e quanto mais O conhecerem, mais se aproximarão DELE e mais O amarão porque o MEU FILHO é AMOR e o AMOR muda tudo.

ELE torna maravilhoso também aquilo que sem amor pareça para vocês insignificante. Por isso novamente os digo que vocês devem amar muito se desejarem crescer espiritualmente. EU sei, apóstolos do MEU AMOR, que não sempre fácil, porém, filhos MEUS, também as estradas dolorosas são caminhos que levam ao crescimento espiritual, à fé e ao MEU FILHO.

Filhos MEUS, rezem, pensem em MEU FILHO durante todos os momentos do dia, elevem as suas almas até ELE e EU recolherei as suas orações como flores do jardim mais belo e as darei de presente ao MEU FILHO.

Sejam realmente apóstolos do MEU AMOR, deem a todos o AMOR de MEU FILHO, sejam jardins com as flores mais belas.

Com a oração ajudem os seu sacerdotes para que possam ser pais espirituais cheios de amor para todos os homens.

Obrigada.

OBS: Esta mensagem é um carinho de Nossa Senhora para você... As matérias do blog seguem abaixo, aproveite!

Confira como foi o dia de hoje do Sínodo sobre as Famílias

Foto Daniel Ibáñez / ACI Prensa
O Sínodo dos Bispos sobre a Família continuou hoje com os trabalhos nos 13 círculos menores, divididos por idiomas, nos quais cada prelado se expressou em sua própria língua.

A seguir, dez coisas que deve saber sobre os acontecimentos de hoje neste importante evento para a Igreja e para o mundo:

1.- Participaram da coletiva na Sala de Imprensa do Vaticano o Arcebispo de Accra (Gana), Dom Charles Palmer Buckle, o Patriarca sírio Ignace Youssif III Younan, o Cardeal italiano Edoardo Menichelli, e o porta-voz do Vaticano, Pe. Federico Lombardi.

2.- Dom Palmer Buckle afirmou que os bispos da África se reuniram em várias ocasiões para conversar acerca da sua contribuição no Sínodo e prepararam um documento a respeito.

3.- O Arcebispo de Accra explicou: “A África está aqui para dizer o que sente a respeito dos temas da prática pastoral da Igreja a fim de contribuir com o tema do Sínodo que é a vocação e a missão da família. Não estamos aqui para bloquear ninguém, mas para compartilhar”, respondeu a uma pergunta dos jornalistas sobre o papel dos bispos desse continente.

4.- O Prelado disse ainda: “Às vezes sentimos que as coisas boas da África não são suficientemente boas para o Ocidente. É difícil reportar as coisas boas da África”. Dom Charles Palmer ressaltou que os bispos efetivamente estão contribuindo com uma perspectiva que considera os temas “que preocupam a todos, a humanidade inteira”.

5.- Por sua parte, o Patriarca da Antioquia expressou a grande preocupação dos bispos com relação a “situação de nossas comunidades cristãs no Oriente Médio, pois esta é realmente catastrófica. As famílias estão sofrendo e fazendo tudo o que for possível para sair deste inferno no Iraque e na Síria”.

6.- Sua Beatitude Ignace Youssif III Younan afirmou também que “para os cristãos católicos o sacramento do matrimônio é entre um homem e uma mulher”.

7.- Em seguida, o Cardeal Menichelli explicou que os trabalhos no Sínodo são realizados em um clima de abertura e liberdade em torno do Instrumentum Laboris (documento de trabalho) e que estão tentando dar uma perspectiva mais universal a discussão com a participação em seu grupo, por exemplo, do Patriarca Latino de Jerusalém, Dom Fouad Twal.

8.- O Pe. Federico Lombardi esclareceu uma informação a respeito do pedido do Papa a fim de evitar “conspirações” durante o Sínodo e precisou que o conceito leva a que “tenhamos plena confiança uns nos outros. Desta forma, não devemos pensar que existe um complô ou que algumas pessoas queiram manipular a visão do Sínodo”, precisou o sacerdote.

9.- Dom Palmer Buckle denunciou a tentativa de alguns países ocidentais de condicionar a ajuda econômica em troca da aceitação de leis que são totalmente contrários aos valores do continente africano, como por exemplo, as leis relacionadas às uniões homossexuais.


10.- Finalmente, o Pe. Lombardi informou que na coletiva de imprensa de amanhã participarão o Cardeal filipino Luis Antonio Tagle, Dom Joseph Kurtz, dos Estados Unidos, e o Arcebispo de Madri (Espanha), Dom Carlos Osoro.


Quinta, 08/10/2015 - Fonte: ACI digital, Walter Sánchez Silva / Postado por: Paulo Alves
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...