Mensagens de Nossa Senhora em Medjugorje no dia 02/04/2018

“Queridos filhos,

Através do Grande Amor do PAI CELESTIAL, EU estou com vocês como sua MÃE e vocês estão comigo como MEUS filhos, como Apóstolos do Meu Amor que sem cessar, reúnem-se em torno de MIM.

Filhos MEUS, vocês são aqueles que, como a oração, devem abandonar-se totalmente ao MEU FILHO, a fim de que não sejam mais vocês a viverem, mas o MEU FILHO em vocês; de modo que todos aqueles que não O conheçam, O vejam em vocês e desejem conhecê-lo.

Rezem para que eles vejam em vocês uma humildade decidida e bondade, disponibilidade a servir os outros; que vejam que vocês vivem a sua vocação no mundo com o coração, em comunhão com o MEU FILHO. Que eles vejam em vocês mansidão, ternura e amor ao MEU FILHO, como também aos seus irmãos e irmãs. Apóstolos do MEU AMOR, vocês devem rezar muito e purificar os seus corações de odo que sejam vocês os primeiros a caminhar no caminho do MEU FILHO de modo que sejam vocês os justos unidos pela JUSTIÇA do MEU FILHO.

Filhos MEUS, como MEUS Apóstolos vocês devem estar unidos na comunhão que flui do MEU FILHO, a fim de que os MEUS filhos que não conhecem o MEU FILHO reconheçam uma comunhão de amor e desejem caminhar no caminho da vida, no caminho da unidade com o MEU FILHO.

Obrigada.”

OBS: Esta mensagem é um carinho de Nossa Senhora para você... As matérias do blog seguem abaixo, aproveite!

Vaticano reconhece oficialmente o Estado da Palestina

Missa do Papa Francisco em Belém. Foto: Alan Holdren/ACI Prensa
A Santa Sé divulgou que reconhecerá oficialmente o Estado da Palestina após a assinatura do Acordo sobre a atividade da Igreja Católica no país. A informação foi dada pelo Subsecretário para as Relações com os Estados, Monsenhor Antoine Camilleri, numa entrevista concedida ao jornal do Vaticano, L’Osservatore Romano.

“Espero que o acordo alcançado possa de alguma forma ajudar os palestinos a ver estabelecido e reconhecido um Estado da Palestina independente, soberano e democrático que viva em paz e segurança com Israel e seus vizinhos”, expressou Mons. Camilleri.

Mons. Camilleri disse ao jornal L’Osservatore Romano: “O Acordo ao mesmo tempo busca encorajar a comunidade internacional a agir de maneira incisiva a favor da paz duradoura e da desejada solução dos dois Estados”.

Este acordo seria uma excelente contribuição para a paz e a estabilidade numa região há muitos anos afetada por conflitos, por isso a Santa Sé e a Igreja local querem colaborar neste caminho de diálogo e de paz”.

Do mesmo modo, em um comunicado oficial do Vaticano anunciou: “A última reunião da Comissão bilateral do Vaticano e do Estado da Palestina já terminou e foi presidida por Mons. Camilleri e pelo Embaixador Rawan Sulaimán, Vice-ministro das Relações Exteriores para Assuntos Multilaterais do Estado da Palestina.

“Ambas partes coincidiram em que o trabalho da Comissão sobre o texto do Acordo foi concluído e será apresentado as autoridades respectivas para sua aprovação antes de fixar uma data para a assinatura em um futuro próximo”, indica o texto.

No marco deste anúncio, o presidente da Palestina, Mahmoud Abbas é esperado no Vaticano no sábado, para um encontro com o Papa Francisco, a reunião viria acontecer um dia antes da canonização de quatro novos santos, dois deles nascidos nos territórios palestinos.

O anúncio do reconhecimento do Estado da Palestina por parte do Vaticano é conforme ao que a Santa Sé já sustentou em outras ocasiões tanto através do Papa Bento XVI como pelo Papa Francisco, que no ano passado em Belém fez menção à convivência pacífica de dois estados.


Na ocasião, o Santo Padre disse: “Chegou o momento de que todos tenham a audácia da generosidade e da criatividade ao serviço do bem, o valor da paz, que se apoia no reconhecimento de todos, do direito de dois Estados existirem e disfrutarem de paz e segurança dentro de uns limites reconhecidos internacionalmente”.


Quarta, 13/05/2015 - ACI / Paulo Alves 
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...