Mensagens de Nossa Senhora em Medjugorje no dia 02/08/2018

“Queridos filhos,

Com amor materno os convido a abrirem os seus corações à paz, a abrirem os seus corações ao MEU FILHO, a cantar em seus corações o amor ao MEU FILHO, porque somente através deste amor chega a paz da alma.

Filhos MEUS, EU sei que vocês tem a bondade, sei que vocês tem o amor, o amor misericordioso. Mas, muitos dos MEUS filhos ainda tem os corações fechados, pensam que podem agir sem colocar os seus pensamentos ao PAI CELESTIAL que ilumina, diante do MEU FILHO que está sempre e novamente com vocês na EUCARISTIA e que deseja ouvi-los.

Filhos Meus, porque não falam para eles ? A vida de cada um de vocês é importante e preciosa porque é um dom do PAI CELESTIAL para a ETERNIDADE, por isso nunca se esqueçam de agradecê-LO e falar com ELE.

Eu sei, filhos MEUS, que para vocês é desconhecido aquilo que virá depois, porém quando chegar o “depois” de vocês, terão todas as respostas. O MEU amor materno deseja que vocês estejam prontos.

Filhos MEUS, com a vida de vocês coloquem sentimentos bons nos corações das pessoas que vocês encontrarem, sentimentos de paz, de bondade, de amor e de perdão. Através da oração escutem o que lhes diz o MEU FILHO e assim o façam.

Novamente os convido a rezarem pelos seus sacerdotes, por aqueles a quem o MEU FILHO chamou; lembrem-se que eles tem necessidade de orações e de amor.

Obrigada.”

OBS: Esta mensagem é um carinho de Nossa Senhora para você... As matérias do blog seguem abaixo, aproveite!

Ato pela liberdade religiosa em Olinda e Recife propõe vigília pelos cristãos perseguidos

A Comunidade Católica dos Viventes, em apoio aos cristãos perseguidos, realizou neste sábado, 28, o ato #EuMeImporto, no parque da Jaqueira, em Recife (PE). O objetivo foi chamar a atenção para o direito à liberdade religiosa.

Segundo o último relatório da Fundação Pontifícia Ajuda à Igreja que Sofre, a cada cinco minutos um cristão é vítima de violência por causa de sua fé, o que equivale a 160 mil cristãos mortos em decorrência da intolerância religiosa.

O arcebispo de Olinda e Recife (PE), dom Fernando Saburido, participou do evento. “Esse é um gesto de solidariedade para com os irmãos perseguidos no Oriente. Estou aqui para convidar a todos, para que se unam a nós e juntos possamos rezar nessa intenção, e colaboremos concretamente com nossos irmãos”, convocou o religioso.

 Ato pela liberdade religiosa

A iniciativa surgiu da inquietação após a divulgação, em fevereiro deste ano, do assassinato de 21 egípcios decapitados pelos jihadistas do Estado Islâmico (EI) na Líbia, “pelo simples fato de serem cristãos”, como disse o papa Francisco. A ideia é proporcionar uma tarde de vigília inter-religiosa na qual os cristãos, e também pessoas com outras convicções religiosas ou mesmo sem uma convicção religiosa, poderão se informar melhor sobre o assunto e, juntas, dar uma resposta a esse clima de ódio que se alastrou principalmente no Oriente.

Desde o ano passado, devido às ações do grupo terrorista EI, as denúncias de violações contra a vida dos cristãos tomaram repercussão ainda maior, com as execuções filmadas e disseminadas pela internet, com métodos bárbaros e cruéis.

Além disso, tem crescido significativamente a quantidade de cristãos que precisam se refugiar em outros países. Para se ter uma ideia do enorme problema, desde 1945, dez milhões de cristãos emigraram por causa de perseguições, o que representa uma dificuldade para aqueles que saem de suas casas e também um desafio para as nações que os recebem.

Com informações da Pascom da arquidiocese de Olinda e Recife

Segunda, 30/03/2015 - CNBB / Paulo Alves
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...