Mensagens de Nossa Senhora em Medjugorje no dia 02/12/2017

“Queridos filhos, Me dirijo a vocês como sua Mãe, a Mãe dos justos, a Mãe daqueles que amam e sofrem, a Mãe dos santos.

Filhos Meus, também vocês podem ser santos: depende de vocês. Santos são aqueles que amam imensamente o Pai Celestial, aqueles que O amam acima de tudo.

Por isso, filhos Meus, procurem ser sempre melhores. Se procuraram ser bons, podem ser santos, também se não pensam isto de vocês. Se vocês pensam ser bons, não são humildes e a soberba os distancia da santidade.

Neste mundo inquieto, cheio de ameaças, as suas mãos, apóstolos do Meu amor, devem estar estendidas em oração e em misericórdia. Para mim, filhos Meus, presenteiem o Rosário, as rosas que tanto amo!

As Minhas rosas são as suas orações feitas com o coração e não somente recitadas com os lábios. As minhas rosas são as suas obras de oração, de fé e de amor.

Quando era pequeno, Meu Filho me dizia que os Meus filhos seriam numerosos e que me trariam muitas rosas.

Eu não compreendia, agora sei que vocês são aqueles filhos, que trazem rosas quando amam o Meu Filho acima de tudo, quando rezam com o coração, que ajudam os mais pobres. Estas são as Minhas rosas!

Esta é a fé, que faz que tudo na vida se faça por amor; que não conhece a soberba; que perdoa sempre prontamente, sem nunca julgar e procurando sempre compreender o próprio irmão.

Por isso, apóstolos do Meu amor, rezem por aqueles que não sabem amar, por aqueles que não os amam, por aqueles que os fizeram mal, por aqueles que não conheceram o Amor de Meu Filho. Filhos Meus, os peço isto para que lembrem que rezar significa amar e perdoar. Obrigada !”

OBS: Esta mensagem é um carinho de Nossa Senhora para você... As matérias do blog seguem abaixo, aproveite!

5 passos para orar de verdade

Muita gente pede sugestões sobre como fazer oração, o que conversar com Deus. Para responder a esta pergunta, apresentamos um acróstico (uma palavra cujas letras, colocadas em forma vertical, são a primeira letra de novas palavras).

A palavra escolhida para estas dicas de oração é "ÁGAPE", que em grego se refere ao amor perfeito de quem ama doando-se inteiramente, sem esperar nada em troca, como é o amor de Deus por nós.

Para que sua oração seja um "ágape"

Isso significa que, por um lado, seu diálogo com o Senhor precisa ser feito por amor e com amor, não por pura conveniência, não para ver o que você vai ganhar com isso. Por outro lado, que em sua oração sempre estejam presentes os seguintes elementos do acróstico da palavra ÁGAPE:

A: Amor feito louvor

Louve a Deus com amor por aquilo que Ele é: pela sua grandeza, beleza, bondade. Pense nas maravilhas da criação e pergunte-se: por qual de todas essas maravilhas eu quero louvar a Deus hoje? Louvar a Deus com amor nos leva a sair de nós mesmos, deixar de ter o foco em nossas misérias e problemas, perceber tudo de bom que Deus coloca em nossas vidas.

G: Gratidão

Agradeça a Deus pelo que Ele faz especificamente na sua vida. Repasse mentalmente tudo o que aconteceu no seu dia, agradecendo-lhe por cada coisa que você lembrar – não somente as coisas boas que lhe fizeram feliz, mas também o aparentemente ruim, porque Ele permitiu isso por alguma razão, talvez para fazer você crescer em humildade, paciência ou compreensão.

A: Arrependimento

Ao recordar os acontecimentos do seu dia, peça perdão a Deus por tudo aquilo que você pensou, disse, fez ou deixou de fazer, que não tenha sido conforme a vontade e misericórdia divinas; por tudo aquilo que não foi inspirado pelo seu amor, e sim pelo seu egoísmo, ira, rancor, injustiça, intolerância.

P: Palavras sinceras

Em seu diálogo com Deus, sinta-se à vontade para pedir, perguntar, contar suas coisas como você contaria a um grande amigo. Ele o escuta sempre, não o julga, não o condena. Pode abrir seu coração!

E: Escute-O

A verdadeira oração envolve necessariamente o diálogo, ou seja, não implica somente em falar, mas também escutar. Deus nos fala por meio da sua Palavra, por meio das pessoas que o cercam, dos acontecimentos. O importante é prestar atenção, saber ouvi-lo. A oração, como diálogo, ensina a reconhecer a voz de Deus em sua vida, a maneira particular como Ele se comunica com você. 



Terça, 10/03/2015 - Siame / Aleteia / Paulo Alves
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...