Mensagens de Nossa Senhora em Medjugorje no dia 02/07/2017

“Queridos filhos, os agradeço porque responderam ao Meu chamado e porque se reuniram em torno de Mim, em torno da Sua Mãe Celestial. Eu sei que pensam em Mim com amor e esperança. Eu sinto o amor de cada um de vocês, como também a sede do Meu Amadíssimo Filho, que por meio do Seu Amor Misericordioso, sempre e novamente Me envia até vocês. Ele que era homem e Deus Uno e Trino. Ele que por causa de vocês sofreu com o corpo e com a alma. Ele que se fez pão para dar pão às suas almas, para poder salvá-las.

Meus filhos, os ensino como serem dignos do Seu Amor, para poderem dirigir os seus pensamentos a Ele, para poderem viver o Meu Filho. Apóstolos do Meu Amor, os envolvo com o Meu Manto porque como Mãe desejo salvá-los.

Os peço: rezem pelo mundo inteiro. O Meu Coração sofre. Os pecados se multiplicam, são muitos. Mas com a ajuda de vocês, vocês que são humildes, cheios de amor, escondidos e santos, o Meu Coração triunfará. Amem o Meu Filho acima de tudo, e o mundo inteiro por meio Dele.

Não esqueçam nunca que cada irmão seu leva em si algo de precioso: a alma. Por isso, Meus filhos, amem a todos aqueles que não conhecem o Meu Filho, para que por meio da oração e do amor que vem da oração, eles possam tornarem-se melhores, a fim de que a bondade neles possa vencer, para poder salvarem as almas e terem a Vida Eterna.

Meus Apóstolos, Meus filhos, o Meu Filho pediu que amassem uns aos outros; que isto esteja escrito em seus corações e com a oração comecem a viver este amor.

Obrigada.

OBS: Esta mensagem é um carinho de Nossa Senhora para você... As matérias do blog seguem abaixo, aproveite!

Bispos recordam 10 anos da morte da missionária irmã Dortohy Stang

“A morte de Irmã Dorothy Stang irrompeu com a força da ressurreição. Sua ação, humilde e desconhecida, pequena e quase isolada, multiplicou-se por todos os cantos do Brasil, conquistando corações e mentes e ganhou as dimensões do mundo e do tempo”, expressou o bispo de Balsas (MA) e presidente da Comissão Pastoral da Terra (CPT), dom Enemésio Lazzaris, sobre o assassinato da religiosa.

A Igreja no Brasil recorda os 10 anos da morte de Irmã Dorothy Stang e sua intensa dedicação à evangelização do povo da Amazônia.

Ontem, 12, o bispo de Xingu (PA) e presidente do Conselho Indigenista Missionário (Cimi), dom Erwin Krautler, presidiu missa em memória ao martírio da Irmã Dorothy. A celebração ocorreu no Centro São Rafael, em Anapu, onde está o túmulo da religiosa. “Quando enterramos o corpo da Irmã Dorothy, em fevereiro de 2005, repetimos muitas vezes que 'não estamos enterrando Irmã Dorothy, mas sim, estamos a plantando'. Ela é uma semente que vai dar muitos frutos. Queremos celebrar estes frutos e as novas sementes que estes frutos estão lançando”, destaca nota no site da Prelazia do Xingu.

Missionária eterna

A religiosa foi assassinada em fevereiro de 2005. Seu corpo estava na zona rural do município de Anapu, local onde Irmã Dorothy defendia a implantação de projetos de desenvolvimento sustentável na região. A fatalidade repercutiu pelo mundo, retomando o debate sobre os conflitos de terra na Amazônia. 

De acordo com dom Erwin Krautler, os acusados de serem mandantes do crime continuam soltos. O próprio bispo vive na região sob escolta policial por atuar na  defesa da floresta e dos pobres

Para dom Enemésio, o exemplo de Irmã Doroty continua sendo lembrado pelas comunidades do Brasil. “Para defender o direito dos camponeses e a preservação da floresta Amazônica, não teve dúvida em colocar em risco sua própria vida”, disse o bispo.


Sexta, 13/02/2015 - CNBB com informações da CPT / Paulo Alves
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...