Mensagens de Nossa Senhora em Medjugorje no dia 02/10/2017

Queridos filhos,

Falo a vocês como MÃE, com palavras simples mas cheias de amor e de preocupação, que ME foram confiados por MEU FILHO. É ELE que, do ETERNO PRESENTE, fala a vocês com palavras de vida e semeia o amor nos corações abertos, Por esta razão os peço, apóstolos do MEU AMOR, tenham os corações abertos, sempre prontos à misericórdia e ao perdão.

Pelo MEU FILHO, perdoem sempre ao próximo porque assim vocês terão a paz. Filhos MEUS, preocupem-se com a alma de vocês porque é a única coisa que pertence a vocês realmente. Vocês se esqueceram da importância da família.

A família não deveria ser lugar de sofrimento e de dor mas local de compreensão e de ternura. As famílias que vivem segundo o MEU FILHO, vivem em amor recíproco.

Quando o MEU FILHO era ainda pequeno, ELE ME dizia que todos os homens são SEUS irmãos; por isso lembrem-se, apóstolos do MEU AMOR, que todos os homens que vocês encontrarem são família, irmãos pelo MEU FILHO.

Meus filhos, não gastem seu tempo pensando sobre o futuro, se preocupando. Que sua única preocupação seja viver bem cada momento de acordo com MEU FILHO. Lá está – paz para vocês!

Filhos MEUS, não esqueçam nunca de rezar pelos seus sacerdotes. Rezem para que possam aceitar todos os homens como seus próprios filhos e segundo o MEU FILHO, sejam pais espirituais. Obrigada.


OBS: Esta mensagem é um carinho de Nossa Senhora para você... As matérias do blog seguem abaixo, aproveite!

São Sebastião, defensor da verdade no amor apaixonado a Deus

Prestes a comemorar os 450 anos da cidade do Rio de Janeiro, a Arquidiocese do Rio tem nesta terça-feira, dia 20 de janeiro, a grande celebração de seu padroeiro São Sebastião. Confira neste artigo do arcebispo Cardeal Dom Orani João Tempesta um pouco da história desse mártir da Igreja e a programação deste dia, quando acontecerá também a criação do Santuário Arquidiocesano e a apresentação dos restos mortais do jovem médico Guido Schaffer, que serão transladados para a Paróquia Nossa Senhora da Paz, em Ipanema, Zona Sul do Rio.

Sebastião nasceu em Narbonne; os pais eram oriundos de Milão, na Itália, do século terceiro. São Sebastião, desde cedo, foi muito generoso e dado ao serviço. Recebeu a graça do santo batismo e zelou por ele em relação à sua vida e à dos irmãos. São Sebastião tornou-se defensor da Igreja como soldado, como capitão e também como apóstolo dos confessores, daqueles que eram presos. Também foi apóstolo dos mártires, os que confessavam Jesus em todas as situações, renunciando à própria vida.

São Sebastião, defensor da verdade no amor apaixonado a Deus. Depois de denunciado como cristão, o Imperador mandou prendê-lo num tronco e muitas flechadas sobre ele foram lançadas até o ponto de pensarem que estava morto. Mas uma mulher, Irene, o conhecia, aproximou-se dele e percebeu que ele estava ainda vivo por graça. Ela cuidou das feridas dele. Ao recobrar sua saúde depois de um tempo, apresentou-se novamente para o Imperador, pois queria o seu bem e o bem de todo o Império. Evangelizou, testemunhou, mas dessa vez foi duramente martirizado.

A cidade maravilhosa recebeu São Sebastião como padroeiro no dia de sua fundação. Agora que comemoramos 450 anos dessa cidade, queremos que suas raízes cristãs nos ajudem a viver ainda melhor e em paz.

Com o tema "São Sebastião: Testemunha da Esperança", teve início no dia 7 de janeiro a Trezena de São Sebastião. Foram treze dias de peregrinação, com visitas em mais de 90 lugares, entre comunidades dedicadas a São Sebastião, obras sociais e instituições públicas, de saúde e comunicação.

A Trezena deste ano é marcada pelo aniversário de 450 anos da “Cidade Maravilhosa”. Nosso padroeiro é testemunha da esperança e nos inspira a construirmos a paz em nossa cidade.

Assim como nos outros anos, a imagem missionária de São Sebastião percorreu ruas, avenidas, igrejas, capelas, hospitais, casas de idosos, presídios, abrigos de menores, locais de segurança, locais de governo e tantos outros espaços que nos recordam a nossa missão de paz e fraternidade.

A Festa dedicada ao Padroeiro, neste dia 20 de janeiro, começa com a Celebração Eucarística das 10h, na Paróquia São Sebastião, na Tijuca. Nesse dia, haverá ainda a criação do Santuário Arquidiocesano, bem como a apresentação dos restos mortais do jovem médico Guido Schaffer, que serão transladados para a Paróquia Nossa Senhora da Paz, em Ipanema. A partir das 16h, acontecerá a procissão partindo da Paróquia São Sebastião, na Tijuca, com destino à Catedral, onde será feito o Auto de São Sebastião e outras apresentações culturais. Às 18h, acontece a Missa Solene de encerramento, com o envio dos seminaristas arquidiocesanos para as missões na grande cidade.

Peço que acompanhemos com fé e esperança os festejos do Nosso Glorioso São Sebastião. Que ele interceda e olhe por toda a nossa cidade maravilhosa.


*O Cardeal Dom Orani João Tempesta é Arcebispo da Arquidiocese de São Sebastião do Rio de Janeiro.


Terça, 20/01/2015 - ACI / Cardeal Dom Orani João Tempesta 
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...