Mensagens de Nossa Senhora em Medjugorje no dia 02/09/2017

Queridos filhos !

Quem melhor do que EU poderia falar para vocês do Amor e da existência do MEU FILHO ?

Vivi com ELE, EU sofri com ele, vivendo a vida terrena, EU provei da dor porque era MÃE.

MEU FILHO amou com pensamentos e obras o PAI CELESTIAL, o DEUS VERDADEIRO, e como ME dizia veio para redimi-los. EU escondi a minha dor com o amor. Vocês, filhos MEUS, tem numerosas perguntas, não compreendem a dor, não compreendem que através do Amor de Deus devem aceitar a dor e suportá-la. Todas as pessoas provam-na em maior ou menor medida, mas com a paz na alma e em estado de graça a esperança existe.

Este é o MEU FILHO, DEUS, nascido de DEUS. As SUAS PALAVRAS são sementes de Vida Eterna e semeadas nas boas almas produzem muitos frutos.

MEU FILHO suportou a dor porque tomou para si os pecados de vocês.

Por isso vocês, filhos MEUS, Apóstolos do MEU Amor, vocês que sofrem, saibam que as suas dores se tornarão luz e glória.

Filhos MEUS, enquanto vocês suportam a dor o CÉU entra em vocês, e em todos em torno de vocês é dado um pouco de Céu e muita esperança !

Obrigada !

OBS: Esta mensagem é um carinho de Nossa Senhora para você... As matérias do blog seguem abaixo, aproveite!

Enfermeira católica que contraiu o Ebola nos EUA confia em Deus e pede orações

A enfermeira católica Nina Pham, que foi contagiada pelo vírus ebola por um paciente que faleceu na semana passada nos Estados Unidos, disse que apesar de tudo “confia em Deus” e pede que rezem por ela.

Conforme informa Associated Press, assim o indicou o sacerdote Jim Khoi da Igreja Nossa Senhora de Fátima no Texas onde Pham e sua família participam junto com uma pequena comunidade de católicos de origem vietnamita.

O presbítero informou também que a jovem recebeu uma transfusão de sangue de um sobrevivente do Ebola para continuar lutando contra a doença; e indicou que a enfermeira, de 26 anos de idade, está de bom ânimo e usa Skype para comunicar-se com a sua família.

Quando Nina soube que estava infectada com o vírus, disse para a sua mãe: “não mami, não se preocupe por mim”.

O caso desta jovem enfermeira despertou a solidariedade da sua comunidade paroquial que sempre oferece orações por sua saúde. Na segunda-feira, por exemplo, 30 pessoas se reuniram para rezar por ela e oferecer a missa por sua recuperação.

Apesar de usar todos os equipamentos de segurança que incluía luvas, máscara e outros protetores enquanto cuidava de Thomas Eric Duncan, o norte-americano que morreu de Ebola na quarta-feira passada proveniente da Libéria, Nina Pham se contagiou com a doença.

Na terça-feira, Pham disse através de um comunicado do Texas Presbyterian Hospital Dallas, onde trabalha e agora recebe atendimento, “que está bem” e que agradece a todos pelos seus bons desejos e suas orações.

O diretor do hospital disse sobre o caso desta jovem católica que o pessoal “está trabalhando incansavelmente para ajudá-la nesta luta. Os médicos e as enfermeiras envolvidos no seu tratamento estão esperançados”.

Pham se formou em enfermagem na Universidade Cristã do Texas (TCU) em 2010, e foi a primeira pessoa em contrair o Ebola nos Estados Unidos.



Quinta, 16/10/2014 - ACI / Paulo Alves
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...