Mensagens de Nossa Senhora em Medjugorje no dia 02/09/2017

Queridos filhos !

Quem melhor do que EU poderia falar para vocês do Amor e da existência do MEU FILHO ?

Vivi com ELE, EU sofri com ele, vivendo a vida terrena, EU provei da dor porque era MÃE.

MEU FILHO amou com pensamentos e obras o PAI CELESTIAL, o DEUS VERDADEIRO, e como ME dizia veio para redimi-los. EU escondi a minha dor com o amor. Vocês, filhos MEUS, tem numerosas perguntas, não compreendem a dor, não compreendem que através do Amor de Deus devem aceitar a dor e suportá-la. Todas as pessoas provam-na em maior ou menor medida, mas com a paz na alma e em estado de graça a esperança existe.

Este é o MEU FILHO, DEUS, nascido de DEUS. As SUAS PALAVRAS são sementes de Vida Eterna e semeadas nas boas almas produzem muitos frutos.

MEU FILHO suportou a dor porque tomou para si os pecados de vocês.

Por isso vocês, filhos MEUS, Apóstolos do MEU Amor, vocês que sofrem, saibam que as suas dores se tornarão luz e glória.

Filhos MEUS, enquanto vocês suportam a dor o CÉU entra em vocês, e em todos em torno de vocês é dado um pouco de Céu e muita esperança !

Obrigada !

OBS: Esta mensagem é um carinho de Nossa Senhora para você... As matérias do blog seguem abaixo, aproveite!

O Papa Francisco recebe no Vaticano os craques do futebol antes da “Partida pela Paz”

O Papa Francisco recebeu hoje, na Sala Paulo VI do Vaticano, alguns dos jogadores de futebol mais importantes das últimas décadas, em uma cerimônia realizada antes da partida Inter-religiosa pela Paz que será disputada esta noite no Estádio Olímpico de Roma.

O encontro reuniu jogadores de todo o mundo em representação das diferentes culturas e religiões: budista; cristã (católica, protestante, evangélica); judaica; hinduísta; muçulmana; e xintoísta.

O sacerdote argentino Guillermo Karcher, cerimoniário pontifício da Santa Sé e oficial de Protocolo do Vaticano, explicou que “a esperança é que depois deste encontro de futebol, esportivo, haja uma repercussão para aumentar a consciência pela paz”.

Durante a cerimônia, o Papa Francisco cumprimentou pessoalmente os jogadores, entre os quais estavam Diego Maradona, Paolo Maldini, Javier Zanetti, Andrea Pirlo, Giuanluigi Buffon, Samuel Eto'o, Iván Zamorano, Marcos Senna, Maxi González, e Cristian Daniel Ledesma.

Durante a cerimônia o Papa Francisco abençoou uma oliveira que será plantada nos Jardins Vaticanos, no local onde aconteceu o encontro pela paz em junho entre o Pontífice argentino e os presidentes de Israel e Palestina, Shimon Peres e Mahmoud Abbas.

Além disso, o Santo Padre abençoou o troféu que será disputado pelas duas equipes, dirigidas pelo atual treinador argentino Gerardo “Tata” Martino; e o técnico do Arsenal, Arsene Wenger. Os capitães serão Zanetti e o italiano Gianluigi Buffon.

Com a esperança de demonstrar como o esporte pode contribuir com uma mensagem de paz, participarão da partida também Roberto Baggio, Mesut Özil, Yuto Nagatomo, Ronaldinho Gaúcho, Andriy Shevchenko, David Trezeguet, Senna da Silva, e Fredy Guarín, entre outros.

O evento foi convocado pelo Papa Francisco e os recursos arrecadados irão à associação “Scholas occurrentes” e à fundação PUPI, que financia o projeto “Uma alternativa de vida”, que oferece a milhares de crianças e jovens de Buenos Aires um apoio concreto, e promove o desenvolvimento da Rede das Escolas para o Encontro.



Segunda, 01/09/2014 - ACI/EWTN Noticias / Paulo Alves
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...