Mensagens de Nossa Senhora em Medjugorje no dia 02/08/2018

“Queridos filhos,

Com amor materno os convido a abrirem os seus corações à paz, a abrirem os seus corações ao MEU FILHO, a cantar em seus corações o amor ao MEU FILHO, porque somente através deste amor chega a paz da alma.

Filhos MEUS, EU sei que vocês tem a bondade, sei que vocês tem o amor, o amor misericordioso. Mas, muitos dos MEUS filhos ainda tem os corações fechados, pensam que podem agir sem colocar os seus pensamentos ao PAI CELESTIAL que ilumina, diante do MEU FILHO que está sempre e novamente com vocês na EUCARISTIA e que deseja ouvi-los.

Filhos Meus, porque não falam para eles ? A vida de cada um de vocês é importante e preciosa porque é um dom do PAI CELESTIAL para a ETERNIDADE, por isso nunca se esqueçam de agradecê-LO e falar com ELE.

Eu sei, filhos MEUS, que para vocês é desconhecido aquilo que virá depois, porém quando chegar o “depois” de vocês, terão todas as respostas. O MEU amor materno deseja que vocês estejam prontos.

Filhos MEUS, com a vida de vocês coloquem sentimentos bons nos corações das pessoas que vocês encontrarem, sentimentos de paz, de bondade, de amor e de perdão. Através da oração escutem o que lhes diz o MEU FILHO e assim o façam.

Novamente os convido a rezarem pelos seus sacerdotes, por aqueles a quem o MEU FILHO chamou; lembrem-se que eles tem necessidade de orações e de amor.

Obrigada.”

OBS: Esta mensagem é um carinho de Nossa Senhora para você... As matérias do blog seguem abaixo, aproveite!

Não há evangelização forte se a família não viver sua verdade mais profunda, afirma Bispo colombiano

O Presidente da Comissão Episcopal da Família na Colômbia, Dom Paulo Emiro Salga Anteliz, assinalou que “não é possível haver uma evangelização forte e centrada se não tivermos famílias vivendo sua mais profunda verdade, porque a família é a célula da Igreja”.

O Prelado em declarações ao escritório de imprensa da Conferência Episcopal da Colômbia, depois da realização do Encontro Nacional de Delegados Diocesanos de Pastoral e Familiar e Presidentes de Movimentos relacionados com Família do 23 a 25 de junho.

O Bispo recordou que “a família tem sua própria verdade e seu caminho de encontrar a santidade. Queremos redescobrir a beleza da família”.

O prelado insistiu indicou ainda durante o evento que “nós colombianos revisamos as leis em nosso país que de algum jeito afetam a vida da família” referindo-se à adoção por parte de casais homossexuais que está para ser aprovado ou vetado pela Corte Constitucional, a mesma que no ano 2006 despenalizou o aborto no país em três condições (risco para a vida mulher, estupro e má formação fetal), após, tentar impô-lo como um “direito” das mulheres.


O Bispo disse deste modo que o próprio Papa Francisco “nos pediu que façamos uma pastoral familiar inteligente, valente e com amor. Nós abordamos este tema” porque “não poderá haver uma evangelização forte e centrada se não houver uma família centrada, vivendo sua mais profunda verdade, já que a família é a célula da Igreja”.


BOGOTÁ, 02 Jul. 14 - ACI / Paulo Alves
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...