Mensagens de Nossa Senhora em Medjugorje no dia 02/09/2017

Queridos filhos !

Quem melhor do que EU poderia falar para vocês do Amor e da existência do MEU FILHO ?

Vivi com ELE, EU sofri com ele, vivendo a vida terrena, EU provei da dor porque era MÃE.

MEU FILHO amou com pensamentos e obras o PAI CELESTIAL, o DEUS VERDADEIRO, e como ME dizia veio para redimi-los. EU escondi a minha dor com o amor. Vocês, filhos MEUS, tem numerosas perguntas, não compreendem a dor, não compreendem que através do Amor de Deus devem aceitar a dor e suportá-la. Todas as pessoas provam-na em maior ou menor medida, mas com a paz na alma e em estado de graça a esperança existe.

Este é o MEU FILHO, DEUS, nascido de DEUS. As SUAS PALAVRAS são sementes de Vida Eterna e semeadas nas boas almas produzem muitos frutos.

MEU FILHO suportou a dor porque tomou para si os pecados de vocês.

Por isso vocês, filhos MEUS, Apóstolos do MEU Amor, vocês que sofrem, saibam que as suas dores se tornarão luz e glória.

Filhos MEUS, enquanto vocês suportam a dor o CÉU entra em vocês, e em todos em torno de vocês é dado um pouco de Céu e muita esperança !

Obrigada !

OBS: Esta mensagem é um carinho de Nossa Senhora para você... As matérias do blog seguem abaixo, aproveite!

O Papa Francisco recebe cartas de 500 menores condenados à prisão perpétua nos EUA

O Papa Francisco se comoveu “profundamente” com a história de 500 menores de idade que, dos cárceres dos Estados Unidos, escreveram-lhe arrependidos pelos crimes cometidos e relataram seu sofrimento pela pena de prisão perpétua que pesa sobre eles.


O diretor do Jesuit Restorative Justice Initiative (JRJI), Padre Michael Kennedy, quem se desempenha como capelão em diversos centros penitenciários dos Estados Unidos, recolheu as cartas e as fez chegar ao Vaticano.


“Tenho lido as cartas que desde cada canto dos Estados Unidos, gentilmente me entregaram da parte de centenas de moços condenados à prisão perpétua sem liberdade condicional em tão jovem idade. Suas histórias e sua petição de que este tipo de sentença seja revisado à luz da justiça e ad possibilidade de uma reforma e reabilitação, comoveram-me profundamente”, foi a resposta do Papa Francisco ao Pe. Kennedy, informou o jornal italiano Avvenire neste 2 de junho.


Em sua resposta, o Papa Francisco assegurou aos menores rezará por cada um deles e como é habitual, pediu-lhes que rezassem por ele. Além disso, garantiu que cada um dos moços receberá uma cópia da resposta dirigida ao Pe. Kennedy.


Vaticano, 03 Jun. 14 - ACI/EWTN Noticias
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...