Mensagens de Nossa Senhora em Medjugorje no dia 02/12/2017

“Queridos filhos, Me dirijo a vocês como sua Mãe, a Mãe dos justos, a Mãe daqueles que amam e sofrem, a Mãe dos santos.

Filhos Meus, também vocês podem ser santos: depende de vocês. Santos são aqueles que amam imensamente o Pai Celestial, aqueles que O amam acima de tudo.

Por isso, filhos Meus, procurem ser sempre melhores. Se procuraram ser bons, podem ser santos, também se não pensam isto de vocês. Se vocês pensam ser bons, não são humildes e a soberba os distancia da santidade.

Neste mundo inquieto, cheio de ameaças, as suas mãos, apóstolos do Meu amor, devem estar estendidas em oração e em misericórdia. Para mim, filhos Meus, presenteiem o Rosário, as rosas que tanto amo!

As Minhas rosas são as suas orações feitas com o coração e não somente recitadas com os lábios. As minhas rosas são as suas obras de oração, de fé e de amor.

Quando era pequeno, Meu Filho me dizia que os Meus filhos seriam numerosos e que me trariam muitas rosas.

Eu não compreendia, agora sei que vocês são aqueles filhos, que trazem rosas quando amam o Meu Filho acima de tudo, quando rezam com o coração, que ajudam os mais pobres. Estas são as Minhas rosas!

Esta é a fé, que faz que tudo na vida se faça por amor; que não conhece a soberba; que perdoa sempre prontamente, sem nunca julgar e procurando sempre compreender o próprio irmão.

Por isso, apóstolos do Meu amor, rezem por aqueles que não sabem amar, por aqueles que não os amam, por aqueles que os fizeram mal, por aqueles que não conheceram o Amor de Meu Filho. Filhos Meus, os peço isto para que lembrem que rezar significa amar e perdoar. Obrigada !”

OBS: Esta mensagem é um carinho de Nossa Senhora para você... As matérias do blog seguem abaixo, aproveite!

Francisco não falará na "Via-Sacra"; prevista somente a bênção aos fiéis: diz Pe. Lombardi

O Papa Francisco permanecerá em oração ao término da "Via-Sacra desta noite no Coliseu de Roma, sem pronunciar um discurso, em seguida abençoará os fiéis. Foi o que afirmou em coletiva o diretor da Sala de Imprensa da Santa Sé, Pe. Federico Lombardi, na manhã desta Sexta-feira Santa, na qual falou sobre as celebrações pascais a serem presididas pelo Pontífice. Devido a grande expectativa de participação dos fiéis, para a ocasião foram montados telões na área dos Fóruns Imperiais.

Um operário e um empresário juntos, dois moradores de rua e ainda crianças, anciãos, doentes e encarcerados. A cruz será carregada por pessoas de todas as idades e proveniência, com uma atenção particular para as situações de sofrimento, para as quais o arcebispo de Campobasso – sul da Itália -, Dom Giancarlo Bregantini, se volta em suas meditações preparadas para a "Via-Sacra".

Um rito que o Papa Francisco acompanhará em oração do terraço do Palatino. Não se terá o tradicional discurso do Papa na conclusão do evento, como destacou Pe. Lombardi:

"O que se sabe até o momento é que o Papa não pensa falar no final da "Via-Sacra", não pensa fazer um discurso, nem mesmo sem texto, mas permanecer em silêncio e dar a bênção. Essa foi a informação que tive. Depois, deixamos ao Espírito Santo e à liberdade do Papa ver se deseja dizer algo ou não."

Devido ao tamanho das meditações, este ano a "Via-Sacra" durará aproximadamente uma hora e quarenta e cinco minutos – meia hora a mais em relação ao ano passado – e deverá terminar em torno das 23h locais.

As meditações serão lidas pela atriz Virna Lisi e pelo jornalista Orazio Coclite. A condutora da oração será Simona De Santis. As pessoas que carregarão a Cruz não a seguirão em procissão desde o início, mas esperarão a sua vez em cada estação. Ao menos 50 países seguirão o evento ao vivo através de suas emissoras de televisão.

O porta-voz vaticano afirmou que durante a Vigília Pascal, no sábado à noite, o Papa batizará 10 catecúmenos: 5 da Itália; os outros da Belarus, Senegal, Líbano, França e Vietnã.

No que tange à missa de Páscoa, o Papa – como de costume nesta Solenidade – presidirá sem concelebrante e não está prevista homilia, mas somente a Mensagem antes da bênção "Urbi et Orbi" (à cidade de Roma em ao mundo), sem saudações em outras línguas.


 Cidade do Vaticano, 18/04/2014 - Rádio Vaticano
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...