Mensagens de Nossa Senhora em Medjugorje no dia 02/12/2017

“Queridos filhos, Me dirijo a vocês como sua Mãe, a Mãe dos justos, a Mãe daqueles que amam e sofrem, a Mãe dos santos.

Filhos Meus, também vocês podem ser santos: depende de vocês. Santos são aqueles que amam imensamente o Pai Celestial, aqueles que O amam acima de tudo.

Por isso, filhos Meus, procurem ser sempre melhores. Se procuraram ser bons, podem ser santos, também se não pensam isto de vocês. Se vocês pensam ser bons, não são humildes e a soberba os distancia da santidade.

Neste mundo inquieto, cheio de ameaças, as suas mãos, apóstolos do Meu amor, devem estar estendidas em oração e em misericórdia. Para mim, filhos Meus, presenteiem o Rosário, as rosas que tanto amo!

As Minhas rosas são as suas orações feitas com o coração e não somente recitadas com os lábios. As minhas rosas são as suas obras de oração, de fé e de amor.

Quando era pequeno, Meu Filho me dizia que os Meus filhos seriam numerosos e que me trariam muitas rosas.

Eu não compreendia, agora sei que vocês são aqueles filhos, que trazem rosas quando amam o Meu Filho acima de tudo, quando rezam com o coração, que ajudam os mais pobres. Estas são as Minhas rosas!

Esta é a fé, que faz que tudo na vida se faça por amor; que não conhece a soberba; que perdoa sempre prontamente, sem nunca julgar e procurando sempre compreender o próprio irmão.

Por isso, apóstolos do Meu amor, rezem por aqueles que não sabem amar, por aqueles que não os amam, por aqueles que os fizeram mal, por aqueles que não conheceram o Amor de Meu Filho. Filhos Meus, os peço isto para que lembrem que rezar significa amar e perdoar. Obrigada !”

OBS: Esta mensagem é um carinho de Nossa Senhora para você... As matérias do blog seguem abaixo, aproveite!

O grupo de oito cardeais nomeados pelo papa Francisco para propor reformas na Cúria Romana se reúnem a partir desta segunda-feira, 17, no Vaticano. O Conselho de Cardeis tem a missão de colaborar com o papa em importantes decisões.
O arcebispo de Tegucigalpa e coordenador do grupo, cardeal Óscar Rodríguez Maradiaga, informou que a reunião prosseguirá até a quarta-feira, 19. No decorrer do encontro, serão ouvidas as comissões que se ocuparam do Instituto para Obras de Religião (IOR) e dos dicastérios econômicos da Santa Sé, que apresentarão seus resultados.
"Está sendo um trabalho sério, de pesquisa, por isso é preciso ter paciência. Trata-se de um trabalho que trará frutos, mas esta sociedade acelerada tem que ter paciência. As coisas do Senhor levam tempo”, comentou dom Oscar.
O Conselho decidiu se reunir por ocasião do Consistório que será realizado no próximo final de semana com a presença de diversos cardeais do mundo. Nos dias 20 e 21, haverá um encontro com todos os cardeais para refletir sobre o tema da família, em vista do Sínodo Extraordinário programado para outubro.

Segunda, 17/02/2014 - CNBB
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...