Mensagens de Nossa Senhora em Medjugorje no dia 02/09/2017

Queridos filhos !

Quem melhor do que EU poderia falar para vocês do Amor e da existência do MEU FILHO ?

Vivi com ELE, EU sofri com ele, vivendo a vida terrena, EU provei da dor porque era MÃE.

MEU FILHO amou com pensamentos e obras o PAI CELESTIAL, o DEUS VERDADEIRO, e como ME dizia veio para redimi-los. EU escondi a minha dor com o amor. Vocês, filhos MEUS, tem numerosas perguntas, não compreendem a dor, não compreendem que através do Amor de Deus devem aceitar a dor e suportá-la. Todas as pessoas provam-na em maior ou menor medida, mas com a paz na alma e em estado de graça a esperança existe.

Este é o MEU FILHO, DEUS, nascido de DEUS. As SUAS PALAVRAS são sementes de Vida Eterna e semeadas nas boas almas produzem muitos frutos.

MEU FILHO suportou a dor porque tomou para si os pecados de vocês.

Por isso vocês, filhos MEUS, Apóstolos do MEU Amor, vocês que sofrem, saibam que as suas dores se tornarão luz e glória.

Filhos MEUS, enquanto vocês suportam a dor o CÉU entra em vocês, e em todos em torno de vocês é dado um pouco de Céu e muita esperança !

Obrigada !

OBS: Esta mensagem é um carinho de Nossa Senhora para você... As matérias do blog seguem abaixo, aproveite!

Extremistas muçulmanos matam 34 cristãos neste Natal

Extremistas muçulmanos assassinaram pelo menos 34 cristãos durante os ataques cometidos contra uma igreja e um mercado em Bagdá (Iraque), além de deixar vários feridos.
Conforme informou a BBC no dia 25 de dezembro, no primeiro ataque, um carro bomba explodiu quando os fiéis saíam de uma igreja depois da missa de Natal, deixando 24 pessoas mortas.
No segundo ataque, uma bomba explodiu em um mercado em uma área de maioria cristã. Umas 10 pessoas morreram. Ambos os ataques deixaram vários feridos.
Até o momento nenhuma organização se atribuiu a responsabilidade dos atentados.
Hoje, quinta-feira, durante a oração do Ângelus, o Papa Francisco se referiu aos numerosos cristãos que são perseguidos por causa de sua fé e que inclusive são assassinados, como São Estevão, cujo martírio a Igreja comemora no dia 26 de dezembro.
"Por isso hoje rezemos de modo particular pelos cristãos que sofrem discriminações por causa do seu testemunho dado de Cristo e do Evangelho. Sejamos próximos a estes irmãos e irmãs que, como santo Estêvão, são acusados injustamente e feitos objeto de violências de vários tipos".

"Estou certo de que, infelizmente, são mais numerosos hoje que nos primeiros tempos da Igreja. Há tantos! Isto acontece especialmente lá onde a liberdade religiosa ainda não é garantida ou não é plenamente realizada Eu gostaria de pedir para vocês rezarem por estes irmãos e irmãs um instante em silêncio", expressou o Santo Padre.

ROMA, 26 Dez. 13 - ACI/EWTN Noticias
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...