Mensagens de Nossa Senhora em Medjugorje no dia 02/08/2018

“Queridos filhos,

Com amor materno os convido a abrirem os seus corações à paz, a abrirem os seus corações ao MEU FILHO, a cantar em seus corações o amor ao MEU FILHO, porque somente através deste amor chega a paz da alma.

Filhos MEUS, EU sei que vocês tem a bondade, sei que vocês tem o amor, o amor misericordioso. Mas, muitos dos MEUS filhos ainda tem os corações fechados, pensam que podem agir sem colocar os seus pensamentos ao PAI CELESTIAL que ilumina, diante do MEU FILHO que está sempre e novamente com vocês na EUCARISTIA e que deseja ouvi-los.

Filhos Meus, porque não falam para eles ? A vida de cada um de vocês é importante e preciosa porque é um dom do PAI CELESTIAL para a ETERNIDADE, por isso nunca se esqueçam de agradecê-LO e falar com ELE.

Eu sei, filhos MEUS, que para vocês é desconhecido aquilo que virá depois, porém quando chegar o “depois” de vocês, terão todas as respostas. O MEU amor materno deseja que vocês estejam prontos.

Filhos MEUS, com a vida de vocês coloquem sentimentos bons nos corações das pessoas que vocês encontrarem, sentimentos de paz, de bondade, de amor e de perdão. Através da oração escutem o que lhes diz o MEU FILHO e assim o façam.

Novamente os convido a rezarem pelos seus sacerdotes, por aqueles a quem o MEU FILHO chamou; lembrem-se que eles tem necessidade de orações e de amor.

Obrigada.”

OBS: Esta mensagem é um carinho de Nossa Senhora para você... As matérias do blog seguem abaixo, aproveite!

Artigo Dom Dino: ALEGRE-SE A TERRA

As celebrações do Natal e do Ano Novo trazem para todos uma atmosfera festiva que invade o coração de todas as pessoas. A Bíblia é rica destas exclamações de alegria. Já dizia o profeta Isaías:“Alegre-se a terra que era deserta, exulte a solidão da floresta, germine e exulte de alegria e louvores”. O anúncio da salvação refere-se à ação de Deus, que resgata o homem e o mundo de sua tristeza e de sua insignificância.

Quando o anjo Gabriel anunciou a Maria, que Deus a escolhera para ser a mãe do Salvador, mais uma vez aparece o convite à alegria: “alegra-te, cheia de graça, o Senhor está contigo! Ao visitar sua prima Isabel, esta vai-lhe ao encontro com um grito de alegre surpresa: “bendita és tu entre as mulheres e bendito é o fruto do teu ventre”!

Maria, por sua vez, não poupa em manifestações de alegria e júbilo, ao proclamar as grandes coisas que Deus estava fazendo por meio dela: “a minha alma engrandece o Senhor e exulta de alegria meu espírito em Deus, meu Salvador!”

No nascimento de Jesus, mais uma vez entra em cena o anjo, que convida os pastores a se alegrarem com a “boa nova”, destinada a ser notícia boa também para todo povo! Os pastores são inundados de alegria e saem a contar a todos os que viram e ouviram...

O Natal traz alegria e não é sem motivo. É Deus que conforta a humanidade, vindo ao seu encontro, fazendo-se próximo de cada homem. Ninguém mais precisa viver nas trevas da desorientação, na angústia e na solidão. O Natal nos lembra que Deus olha para nós com imenso amor.

O papa Francisco, na sua recente Exortação Apostólica “Evangelii Gaudium”, ajudou-nos a ter uma consciência renovada de que o anúncio cristão é uma “boa notícia”, um motivo de alegria profunda. Deus entrou na nossa história; por meio do Filho, Jesus de Nazaré, viveu na nossa condição humana, santificou-a e elevou-a a uma dignidade luminosa! E convida-nos a viver na comunhão com ele!

Por isso, o Natal precisa ser celebrado com intensa alegria: em família, porque se refere a um acontecimento de família; na paróquia e nas várias comunidades de fé, porque é um acontecimento de fé; na comunidade humana inteira, porque o nascimento do Salvador não foi somente para os cristãos, mas para todas as pessoas “de boa vontade”, ou “a quem Deus quer bem”!

E sejamos nós, os cristãos, os primeiros a dar sentido à festa do Natal, para que ela não se perca em exterioridades e no consumo de bens. Demos graças a Deus pela obra da redenção realizada por meio de Jesus Cristo em nosso favor. Alegrai-vos, alegremo-nos! O Senhor está perto! Ele se fez “Emanuel”, que significa: Deus no meio de nós!

Desejo a todos os leitores do Vanguarda um Feliz e Abençoado Natal. A alegria do nascimento do Salvador preencha e renove o coração de todas as pessoas de boa vontade.

Dom Bernardino Marchió
Bispo Diocesano de Caruaru

Caruaru, 21/12/2013 - JCEnews
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...