Mensagens de Nossa Senhora em Medjugorje no dia 02/11/2017

“Queridos filhos, olhando vocês em torno de Mim, em torno da sua Mãe, Eu estou vendo muitas almas puras, vejo muitos dos Meus filhos que estão procurando amor e consolação, mas ninguém está oferecendo isso a eles.

Também vejo aqueles que fazem o mal, porque não têm bons exemplos, não conheceram Meu Filho, aquele bem que é silencioso, que se difunde através das almas puras, que é a força que reforça o mundo.

Existem muitos pecados, mas também muito amor. o Meu Filho Me envia, como Mãe, a mesma igual para todos, para que Eu vos ensine o Amor, para que vocês compreendam que são irmãos.

Ele deseja vos ajudar. Apóstolos do Meu Amor, é suficiente o desejo vivo da fé e do Amor, o Meu Filho o aceitará.

Mas vocês têm que ser dignos, ter boa vontade e um coração aberto. O Meu Filho entra nos corações abertos. Eu, como Mãe, desejo que vocês conheçam o melhor possível o Meu Filho, Deus, nascido de Deus, para que vocês conheçam a grandeza do Seu Amor, o qual vocês tanto precisam.

Ele aceitou os seus pecados, conseguiu a Redenção para vocês, mas em troca procura que vocês amem-se uns aos outros. O Meu Filho é Amor. Ele ama todo ser humano, sem diferença, todas as pessoas de todos os povos e nações.

Se vocês, Meus Filhos, vivessem o Amor do Meu Filho, o Seu Reinado já estaria na Terra. Por isso, Apóstolos do Meu Amor, rezem, rezem para que o Meu Filho e Seu Amor estejam mais próximos de vocês, para que vocês sejam exemplos de Amor e possam ajudar àqueles que ainda não conhecem o Meu Filho.

Nunca esqueçam que o Meu Filho, Uno e Trino, Ama. Amem e rezem pelos seus sacerdotes. Obrigada.”

OBS: Esta mensagem é um carinho de Nossa Senhora para você... As matérias do blog seguem abaixo, aproveite!

Sobre a exortação Evangelii Gaudium do Papa Francisco

A primeira exortação apostólica do Papa Francisco pode "ser o documento de um Pontífice mais lido dos últimos 30 anos, porque é muito fácil de entender e porque diz as coisas diretamente".
Neste documento, o Papa Francisco "não somente elabora os princípios, mas também tira as consequências práticas cotidianas".
A linguagem utilizada pelo Santo Padre na Evangelii Gaudium é "muito mais coloquial, muito mais fácil de entender", apesar de ser um documento extenso.
O que o Papa está pedindo em sua exortação apostólica, é "uma mudança de conceito que os católicos têm que ter", pois "o fato de anunciar Jesus Cristo não tem que ser visto como uma obrigação, uma responsabilidade, uma carga, mas como consequência de estar alegre. Porque quando a gente está alegre, nota-se".
"Com esta linguagem coloquial, de alguma forma revolucionária, o Papa, está dizendo a mesma coisa que disseram os Pontífices anteriores, mas com uma linguagem muito mais fácil de entender".

Quarta, 27/11/2013 - Em nota
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...