Mensagens de Nossa Senhora em Medjugorje no dia 02/10/2017

Queridos filhos,

Falo a vocês como MÃE, com palavras simples mas cheias de amor e de preocupação, que ME foram confiados por MEU FILHO. É ELE que, do ETERNO PRESENTE, fala a vocês com palavras de vida e semeia o amor nos corações abertos, Por esta razão os peço, apóstolos do MEU AMOR, tenham os corações abertos, sempre prontos à misericórdia e ao perdão.

Pelo MEU FILHO, perdoem sempre ao próximo porque assim vocês terão a paz. Filhos MEUS, preocupem-se com a alma de vocês porque é a única coisa que pertence a vocês realmente. Vocês se esqueceram da importância da família.

A família não deveria ser lugar de sofrimento e de dor mas local de compreensão e de ternura. As famílias que vivem segundo o MEU FILHO, vivem em amor recíproco.

Quando o MEU FILHO era ainda pequeno, ELE ME dizia que todos os homens são SEUS irmãos; por isso lembrem-se, apóstolos do MEU AMOR, que todos os homens que vocês encontrarem são família, irmãos pelo MEU FILHO.

Meus filhos, não gastem seu tempo pensando sobre o futuro, se preocupando. Que sua única preocupação seja viver bem cada momento de acordo com MEU FILHO. Lá está – paz para vocês!

Filhos MEUS, não esqueçam nunca de rezar pelos seus sacerdotes. Rezem para que possam aceitar todos os homens como seus próprios filhos e segundo o MEU FILHO, sejam pais espirituais. Obrigada.


OBS: Esta mensagem é um carinho de Nossa Senhora para você... As matérias do blog seguem abaixo, aproveite!

Semana da Solidariedade chama a atenção para a fome e a pobreza no Brasil

Teve início, nesta terça-feira, e prossegue até o próximo dia 12, a Semana da Solidariedade promovida pela Caritas Brasileira sobre o tema "Solidariedade e Justiça Social". Este ano a Rede Caritas chama a atenção de toda a sociedade brasileira para as questões relacionadas à fome e a pobreza no país. 

O objetivo é refletir sobre a invisibilidade das desigualdades sociais que geram as misérias existentes, principalmente nas periferias das grandes e médias cidades e no meio rural.

Dados oficiais do Governo Federal apontam que nos últimos anos (2003 – 2012) o Brasil vem conseguindo combater a pobreza e a miséria de 16 milhões de pessoas por meio dos programas de transferência de renda, principalmente "o Bolsa Família", proporcionando uma real melhoria nas condições de vida das pessoas.

No entanto, de acordo com o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), 57 milhões de pessoas ainda vivem em estado de pobreza, ou seja, sobrevivem com meio salário mínimo, mesmo o Brasil sendo a sexta economia mais rica do mundo. Ainda com os programas de distribuição de renda promovidos pelo Governo Federal, 20% dos mais ricos detém 63,8% da renda nacional, enquanto os 20% mais pobres acessam apenas 2,5% de toda a riqueza que é produzida pelo país.

Nesta perspectiva, várias Caritas em todo o Brasil realizam ações que visam o debate dessa realidade, além da divulgação de ações que promovam a superação da fome e da pobreza.

Brasilia, 05/11/2013 - Rádio Vaticano 
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...