Mensagens de Nossa Senhora em Medjugorje no dia 02/08/2018

“Queridos filhos,

Com amor materno os convido a abrirem os seus corações à paz, a abrirem os seus corações ao MEU FILHO, a cantar em seus corações o amor ao MEU FILHO, porque somente através deste amor chega a paz da alma.

Filhos MEUS, EU sei que vocês tem a bondade, sei que vocês tem o amor, o amor misericordioso. Mas, muitos dos MEUS filhos ainda tem os corações fechados, pensam que podem agir sem colocar os seus pensamentos ao PAI CELESTIAL que ilumina, diante do MEU FILHO que está sempre e novamente com vocês na EUCARISTIA e que deseja ouvi-los.

Filhos Meus, porque não falam para eles ? A vida de cada um de vocês é importante e preciosa porque é um dom do PAI CELESTIAL para a ETERNIDADE, por isso nunca se esqueçam de agradecê-LO e falar com ELE.

Eu sei, filhos MEUS, que para vocês é desconhecido aquilo que virá depois, porém quando chegar o “depois” de vocês, terão todas as respostas. O MEU amor materno deseja que vocês estejam prontos.

Filhos MEUS, com a vida de vocês coloquem sentimentos bons nos corações das pessoas que vocês encontrarem, sentimentos de paz, de bondade, de amor e de perdão. Através da oração escutem o que lhes diz o MEU FILHO e assim o façam.

Novamente os convido a rezarem pelos seus sacerdotes, por aqueles a quem o MEU FILHO chamou; lembrem-se que eles tem necessidade de orações e de amor.

Obrigada.”

OBS: Esta mensagem é um carinho de Nossa Senhora para você... As matérias do blog seguem abaixo, aproveite!

Compromisso em fazer o bem

Particularmente tenho um carinho especial pelo  GAMR ( Grupo de apoio aos meninos de rua ), e fico muito feliz ao ver frutificar este projeto idealizado e fundado por Edson Oliveira, um visionário além do seu tempo,  que mesmo criticado e perseguido não desviou seu pensamento um só minuto em fazer o bem.  E hoje, muitos jovens que passaram pelo GAMR , são referencia em diversas áreas e estão espalhados por todo este Brasil.

 O Grupo de Apoio aos Meninos e Meninas de Rua (GAMR) utiliza um processo educativo e cultural para reinserir crianças e adolescentes em situação de rua em ambientes sociais adequados, como a escola e a família, ajudando assim a resgatar sua dignidade.

Como tudo começou
O GAMR iniciou suas atividades em 1989 e em 1992, com a construção da sua sede própria, conseguiu efetivar o principal objetivo da entidade: atrair meninos e meninas, na faixa etária 

de 04 a 18 anos, que viviam nas ruas da cidade, em situação de extrema vulnerabilidade social, e educá-los para que ficassem longe dos vícios e livres das drogas. A partir do ano 2000, o GAMR deu um salto quando criou o grupo de Maracatu e a Banda de Pífano, que absorveu a atenção das crianças e adolescentes, funcionando como um instrumento educativo e de renovação e inclusão social. Outros projetos culturais surgiram, como o Grupo de Dança Popular e o Grupo de Teatro. Hoje o GAMR é uma forte expressão da cultura popular em Gravatá e região.

Com o apoio da BrazilFoundation
O apoio da BrazilFoundation em 2007 ao projeto "Inclusão Social Através da Arte e Cultura Popular" possibilitou a realização de oficinas de pífano, maracatu e outras danças populares 
e ainda a confecção de figurino apropriado para meninos e meninas de 4 a 18 anos que viviam em situação de extrema pobreza na cidade de Gravatá. Também possibilitou a compra de instrumentos musicais adequados, dando maior visibilidade ao GAMR.

Resultados
- Nascimento do grupo cultural "Maracatu Amigos do GAMR", que reuniu pessoas da sociedade de Gravatá e meninos/as da organização.
- Contratação de adolescentes da entidade para serviços temporários remunerados, o que não era comum.
- Aumento do número de contratação das apresentações dos grupos do GAMR.
- Confecção dos figurinos do Grupo de Dança Popular, o que enriqueceu as apresentações.

Prêmios
- 2007 - Prêmio Madalena Medeiros de Ação Humanitária
- 2008/2010 - Itaú Cultural – Educação, Cultura e Arte
- Reconhecimento como Ponto de Cultura pelo Governo de Pernambuco e Govermo Federal

Parcerias
Prefeitura Municipal de Gravatá, Universidade Federal de Pernambuco, Conselho Estadual 
dos Direitos da Criança e do Adolescente de Pernambuco, Fundarpe/Governo de Pernambuco/Ministério da Cultura, Programa BNB Cultura, Itaú Cultural, KNH Brasil/ NE, TV Cultura.

Orgulho-me em ser contemporâneo de Edson, e poder chama-lo de meu amigo, ter acompanhado os primeiros passos desta obra me motiva a dobrar meus joelhos ao chão em oração por este trabalho. O reconhecimento e o crescimento desta obra e para mim mais uma certeza de como Deus age por intermédio de seus filhos.

Sexta, 08/11/2013 - Gravatá PE -  Paulo Alves ( fotos e video - internet )

Abaixo, apresento “AGOADEIRAS” o primeiro vídeo documentário produzido pelo GAMR, o vídeo retrata o dia-a-dia de três mulheres  que trabalham no Cemitério de Santo Amaro em Gravatá – PE. O curta conclui o trabalho da oficina de iniciação ao cinema, ministrado por Mozart Oliveira na fabrica de cultura do GAMR.
O documentário foi finalizado em novembro do ano 2012. A Oficina de Iniciação ao Cinema já está na 2º edição formando jovens e crianças da entidade.

Confiram o vídeo: 



Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...