Mensagens de Nossa Senhora em Medjugorje no dia 02/10/2017

Queridos filhos,

Falo a vocês como MÃE, com palavras simples mas cheias de amor e de preocupação, que ME foram confiados por MEU FILHO. É ELE que, do ETERNO PRESENTE, fala a vocês com palavras de vida e semeia o amor nos corações abertos, Por esta razão os peço, apóstolos do MEU AMOR, tenham os corações abertos, sempre prontos à misericórdia e ao perdão.

Pelo MEU FILHO, perdoem sempre ao próximo porque assim vocês terão a paz. Filhos MEUS, preocupem-se com a alma de vocês porque é a única coisa que pertence a vocês realmente. Vocês se esqueceram da importância da família.

A família não deveria ser lugar de sofrimento e de dor mas local de compreensão e de ternura. As famílias que vivem segundo o MEU FILHO, vivem em amor recíproco.

Quando o MEU FILHO era ainda pequeno, ELE ME dizia que todos os homens são SEUS irmãos; por isso lembrem-se, apóstolos do MEU AMOR, que todos os homens que vocês encontrarem são família, irmãos pelo MEU FILHO.

Meus filhos, não gastem seu tempo pensando sobre o futuro, se preocupando. Que sua única preocupação seja viver bem cada momento de acordo com MEU FILHO. Lá está – paz para vocês!

Filhos MEUS, não esqueçam nunca de rezar pelos seus sacerdotes. Rezem para que possam aceitar todos os homens como seus próprios filhos e segundo o MEU FILHO, sejam pais espirituais. Obrigada.


OBS: Esta mensagem é um carinho de Nossa Senhora para você... As matérias do blog seguem abaixo, aproveite!

Compromisso em fazer o bem

Particularmente tenho um carinho especial pelo  GAMR ( Grupo de apoio aos meninos de rua ), e fico muito feliz ao ver frutificar este projeto idealizado e fundado por Edson Oliveira, um visionário além do seu tempo,  que mesmo criticado e perseguido não desviou seu pensamento um só minuto em fazer o bem.  E hoje, muitos jovens que passaram pelo GAMR , são referencia em diversas áreas e estão espalhados por todo este Brasil.

 O Grupo de Apoio aos Meninos e Meninas de Rua (GAMR) utiliza um processo educativo e cultural para reinserir crianças e adolescentes em situação de rua em ambientes sociais adequados, como a escola e a família, ajudando assim a resgatar sua dignidade.

Como tudo começou
O GAMR iniciou suas atividades em 1989 e em 1992, com a construção da sua sede própria, conseguiu efetivar o principal objetivo da entidade: atrair meninos e meninas, na faixa etária 

de 04 a 18 anos, que viviam nas ruas da cidade, em situação de extrema vulnerabilidade social, e educá-los para que ficassem longe dos vícios e livres das drogas. A partir do ano 2000, o GAMR deu um salto quando criou o grupo de Maracatu e a Banda de Pífano, que absorveu a atenção das crianças e adolescentes, funcionando como um instrumento educativo e de renovação e inclusão social. Outros projetos culturais surgiram, como o Grupo de Dança Popular e o Grupo de Teatro. Hoje o GAMR é uma forte expressão da cultura popular em Gravatá e região.

Com o apoio da BrazilFoundation
O apoio da BrazilFoundation em 2007 ao projeto "Inclusão Social Através da Arte e Cultura Popular" possibilitou a realização de oficinas de pífano, maracatu e outras danças populares 
e ainda a confecção de figurino apropriado para meninos e meninas de 4 a 18 anos que viviam em situação de extrema pobreza na cidade de Gravatá. Também possibilitou a compra de instrumentos musicais adequados, dando maior visibilidade ao GAMR.

Resultados
- Nascimento do grupo cultural "Maracatu Amigos do GAMR", que reuniu pessoas da sociedade de Gravatá e meninos/as da organização.
- Contratação de adolescentes da entidade para serviços temporários remunerados, o que não era comum.
- Aumento do número de contratação das apresentações dos grupos do GAMR.
- Confecção dos figurinos do Grupo de Dança Popular, o que enriqueceu as apresentações.

Prêmios
- 2007 - Prêmio Madalena Medeiros de Ação Humanitária
- 2008/2010 - Itaú Cultural – Educação, Cultura e Arte
- Reconhecimento como Ponto de Cultura pelo Governo de Pernambuco e Govermo Federal

Parcerias
Prefeitura Municipal de Gravatá, Universidade Federal de Pernambuco, Conselho Estadual 
dos Direitos da Criança e do Adolescente de Pernambuco, Fundarpe/Governo de Pernambuco/Ministério da Cultura, Programa BNB Cultura, Itaú Cultural, KNH Brasil/ NE, TV Cultura.

Orgulho-me em ser contemporâneo de Edson, e poder chama-lo de meu amigo, ter acompanhado os primeiros passos desta obra me motiva a dobrar meus joelhos ao chão em oração por este trabalho. O reconhecimento e o crescimento desta obra e para mim mais uma certeza de como Deus age por intermédio de seus filhos.

Sexta, 08/11/2013 - Gravatá PE -  Paulo Alves ( fotos e video - internet )

Abaixo, apresento “AGOADEIRAS” o primeiro vídeo documentário produzido pelo GAMR, o vídeo retrata o dia-a-dia de três mulheres  que trabalham no Cemitério de Santo Amaro em Gravatá – PE. O curta conclui o trabalho da oficina de iniciação ao cinema, ministrado por Mozart Oliveira na fabrica de cultura do GAMR.
O documentário foi finalizado em novembro do ano 2012. A Oficina de Iniciação ao Cinema já está na 2º edição formando jovens e crianças da entidade.

Confiram o vídeo: 



Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...