Mensagens de Nossa Senhora em Medjugorje no dia 02/07/2017

“Queridos filhos, os agradeço porque responderam ao Meu chamado e porque se reuniram em torno de Mim, em torno da Sua Mãe Celestial. Eu sei que pensam em Mim com amor e esperança. Eu sinto o amor de cada um de vocês, como também a sede do Meu Amadíssimo Filho, que por meio do Seu Amor Misericordioso, sempre e novamente Me envia até vocês. Ele que era homem e Deus Uno e Trino. Ele que por causa de vocês sofreu com o corpo e com a alma. Ele que se fez pão para dar pão às suas almas, para poder salvá-las.

Meus filhos, os ensino como serem dignos do Seu Amor, para poderem dirigir os seus pensamentos a Ele, para poderem viver o Meu Filho. Apóstolos do Meu Amor, os envolvo com o Meu Manto porque como Mãe desejo salvá-los.

Os peço: rezem pelo mundo inteiro. O Meu Coração sofre. Os pecados se multiplicam, são muitos. Mas com a ajuda de vocês, vocês que são humildes, cheios de amor, escondidos e santos, o Meu Coração triunfará. Amem o Meu Filho acima de tudo, e o mundo inteiro por meio Dele.

Não esqueçam nunca que cada irmão seu leva em si algo de precioso: a alma. Por isso, Meus filhos, amem a todos aqueles que não conhecem o Meu Filho, para que por meio da oração e do amor que vem da oração, eles possam tornarem-se melhores, a fim de que a bondade neles possa vencer, para poder salvarem as almas e terem a Vida Eterna.

Meus Apóstolos, Meus filhos, o Meu Filho pediu que amassem uns aos outros; que isto esteja escrito em seus corações e com a oração comecem a viver este amor.

Obrigada.

OBS: Esta mensagem é um carinho de Nossa Senhora para você... As matérias do blog seguem abaixo, aproveite!

O Papa reza pelas vítimas da violência, fome e famílias cristãs perseguidas

O Papa Francisco anunciou hoje depois da oração do Angelus pela Festa de Todos os Santos que, na Missa que celebrará a tarde de hoje no cemitério romano de Campo Verano, rezará pelas vítimas da violência e a fome, assim como pelos cristãos perseguidos no mundo e suas famílias.
“Esta tarde irei ao cemitério de Verano e ali celebrarei a Santa Missa, unindo-me espiritualmente a quantos nestes dias visitam os cemitérios, onde dormem os que nos precederam no sinal da fé e esperam o dia da ressurreição”.
O Santo Padre assinalou que “de forma particular, rezarei pelas vítimas da violência, especialmente pelos cristãos que perderam a vida por causa das perseguições”.
“Em especial rezarei por quantos, irmãos e nossas irmãs, homens mulheres e crianças, morreram de sede, fome e fadiga no trajeto para conseguir chegar a uma condição de vida melhor: nestes dias vimos as imagens do cruel deserto”.
“Rezemos todos em silêncio uma oração por estes nossos irmãos e irmãs”, concluiu.


A HAIA, 01 Nov. 13 - ACI
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...