Mensagens de Nossa Senhora em Medjugorje no dia 02/04/2019

“Queridos filhos, como MÃE que conhece os SEUS filhos, sei vocês desejam o MEU FILHO. EU sei que vocês desejam a VERDADE, a PAZ, aquilo que é puro e não é falso.

Por isto EU, como MÃE, através do AMOR DE DEUS, me dirijo a vocês e os convido, a fim de que, rezando com o coração puro e aberto, conheçam por vocês mesmos o MEU FILHO, o SEU AMOR, o SEU CORAÇÃO MISERICORDIOSO.

O MEU FILHO via a beleza em todas as coisas.

ELE procura o BEM, até mesmo naquilo que é pequeno e escondido, em todas as almas, para perdoar o mal.

Por isto, filhos MEUS, apóstolos do MEU AMOR, os convido a adorá-LO, a agradecê-LO continuamente e a serem dignos para ELE. Porque ELE disse para vocês PALAVRAS DIVINAS, as PALAVRAS DE DEUS, as PALAVRAS que são para todos e para sempre.

Por isto, filhos MEUS, vivam a serenidade, a alegria e o amor recíproco.

Isto é o que é necessário para vocês no mundo de hoje: assim serão apóstolos do MEU AMOR, assim vocês testemunharão o MEU FILHO de maneira justa.

Obrigada.”

OBS: Esta mensagem é um carinho de Nossa Senhora para você... As matérias do blog seguem abaixo, aproveite!

Quase 30 milhões de pessoas no mundo vivem em condições de escravidão

Quase 30 milhões de pessoas no mundo vivem em condições de escravidão. É o que denuncia o Global Slavery Index, um estudo realizado em 162 Países organizado pela organização humanitária australiana Walk Free Foundation (Wff). Três quartos das vítimas desta dramática condição vivem na Ásia, mas nenhum continente é imune. 

Com 14 milhões de escravos, é a Índia que lidera a lista, também se percentagem absoluta – com 4% da população sem liberdade individual – pertence à Mauritânia.

Apesar de uma percentagem baixa, nem a Europa está livre da escravidão. O relatório destaca, de fato, como o continente tem algumas centrais do tráfico e comércio de seres humanos. De acordo com um recente levantamento da Comissão para o crime organizado na Europa, são pelo menos 800 mil as pessoas que moram em Países europeus em condições de escravidão.


Londres, 18/10/2013 - Rádio Vaticano 
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...