Mensagens de Nossa Senhora em Medjugorje no dia 02/11/2017

“Queridos filhos, olhando vocês em torno de Mim, em torno da sua Mãe, Eu estou vendo muitas almas puras, vejo muitos dos Meus filhos que estão procurando amor e consolação, mas ninguém está oferecendo isso a eles.

Também vejo aqueles que fazem o mal, porque não têm bons exemplos, não conheceram Meu Filho, aquele bem que é silencioso, que se difunde através das almas puras, que é a força que reforça o mundo.

Existem muitos pecados, mas também muito amor. o Meu Filho Me envia, como Mãe, a mesma igual para todos, para que Eu vos ensine o Amor, para que vocês compreendam que são irmãos.

Ele deseja vos ajudar. Apóstolos do Meu Amor, é suficiente o desejo vivo da fé e do Amor, o Meu Filho o aceitará.

Mas vocês têm que ser dignos, ter boa vontade e um coração aberto. O Meu Filho entra nos corações abertos. Eu, como Mãe, desejo que vocês conheçam o melhor possível o Meu Filho, Deus, nascido de Deus, para que vocês conheçam a grandeza do Seu Amor, o qual vocês tanto precisam.

Ele aceitou os seus pecados, conseguiu a Redenção para vocês, mas em troca procura que vocês amem-se uns aos outros. O Meu Filho é Amor. Ele ama todo ser humano, sem diferença, todas as pessoas de todos os povos e nações.

Se vocês, Meus Filhos, vivessem o Amor do Meu Filho, o Seu Reinado já estaria na Terra. Por isso, Apóstolos do Meu Amor, rezem, rezem para que o Meu Filho e Seu Amor estejam mais próximos de vocês, para que vocês sejam exemplos de Amor e possam ajudar àqueles que ainda não conhecem o Meu Filho.

Nunca esqueçam que o Meu Filho, Uno e Trino, Ama. Amem e rezem pelos seus sacerdotes. Obrigada.”

OBS: Esta mensagem é um carinho de Nossa Senhora para você... As matérias do blog seguem abaixo, aproveite!

Dia mundial das Missões é celebrado no Memorial Frei Damião em Caruaru

No domingo 20 de outubro, dia dedicado às missões no calendário litúrgico da Igreja Católica, romeiros devotos de frei Damião de Bozzano oriundos de várias cidades do agreste pernambucano, relembraram o “missionário do nordeste” no Memorial do Agreste em Caruaru. Frei Antônio Lopes reuniu os romeiros para a caminhada em frente ao convento dos capuchinhos de Caruaru, às 6h, dirigindo-se ao Memorial Frei Damião, em uma caminhada de aproximada- mente 10 km.
Os romeiros que participaram da caminhada de frei Damião, uniram-se aos que já se encontravam no galpão onde provisoriamente estão sendo realizadas as missas nos terceiros domingos de cada mês. Os frequentadores desta celebração estavam triplamente felizes, primeiro por celebrarem o dia mundial das missões no Memorial do “Maior missionário do nordeste, Frei Damião”, segundo por encontrarem vários materiais de construção ao lado do galpão, DSC 0588estes com o destino da construção dos banheiros para melhor os acolher nas celebrações, fruto da campanha iniciada no mês passado por frei Lopes, mesmo sendo só o começo das obras, mas empolga aos frequentadores, terceiro pela presença de muitos frades capuchinhos na celebração, atendendo confissões e auxiliando na liturgia.
A concelebração eucarística foi presidida por frei Dimas Marleno e estavam com ele os frades Antônio Lopes e Enoque, missionário que reside na fraternidade capuchinha Frei Serafim de Catania na Vila Rafael em Caruaru, próxima ao Memorial. Na homília frei Enoque ressaltou o ser missionário de frei Damião, clamando por justiça aos poderosos frente aos pobres e necessitados como a passagem do evangelho deste dia, onde a viúva clama para ser ouvida ao juiz insensível e, diante da insistência acaba por ser ouvida por ele. “Temos de clamar aos poderosos, pois só olham para si, e abandonam o povo. DSC 0613Só Deus é quem ouve os pobres, portanto rezemos pelos poderosos para que o Espirito Santo toque seus corações”. Fazendo eco as palavras do Papa Francisco para o Dia Mundial das Missões.
Todos os batizados são chamados a anunciar o Evangelho com coragem em toda realidade. É o que escreveu o Papa Francisco em sua Mensagem para o Dias Mundial das Missões, o Pontífice ressaltou que "evangelizar jamais é um ato isolado", mas "sempre eclesial" e reitera que uma comunidade é realmente adulta se consegue sair de seu recinto para levar a esperança de Jesus também às periferias. "A fé é dom precioso de Deus", "um dom que não se pode guardar para si, mas deve ser partilhado".
O Santo Padre ressalta que a dúplice ocasião do Ano da Fé e do 50º aniversário do início do Concílio Vaticano II devem impelir a Igreja "uma renovada consciência da sua presença no mundo de hoje, da sua missão entre os povos e as nações".

Caruaru, 20/10/2013 - JCEnews. Por:Charles Cavalcanti.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...