Mensagens de Nossa Senhora em Medjugorje no dia 02/09/2017

Queridos filhos !

Quem melhor do que EU poderia falar para vocês do Amor e da existência do MEU FILHO ?

Vivi com ELE, EU sofri com ele, vivendo a vida terrena, EU provei da dor porque era MÃE.

MEU FILHO amou com pensamentos e obras o PAI CELESTIAL, o DEUS VERDADEIRO, e como ME dizia veio para redimi-los. EU escondi a minha dor com o amor. Vocês, filhos MEUS, tem numerosas perguntas, não compreendem a dor, não compreendem que através do Amor de Deus devem aceitar a dor e suportá-la. Todas as pessoas provam-na em maior ou menor medida, mas com a paz na alma e em estado de graça a esperança existe.

Este é o MEU FILHO, DEUS, nascido de DEUS. As SUAS PALAVRAS são sementes de Vida Eterna e semeadas nas boas almas produzem muitos frutos.

MEU FILHO suportou a dor porque tomou para si os pecados de vocês.

Por isso vocês, filhos MEUS, Apóstolos do MEU Amor, vocês que sofrem, saibam que as suas dores se tornarão luz e glória.

Filhos MEUS, enquanto vocês suportam a dor o CÉU entra em vocês, e em todos em torno de vocês é dado um pouco de Céu e muita esperança !

Obrigada !

OBS: Esta mensagem é um carinho de Nossa Senhora para você... As matérias do blog seguem abaixo, aproveite!

A Igreja faz apelo às artes para dar expressão à beleza da fé

O Papa Francisco recebeu no final da manhã deste sábado, 19, membros do Patrons of the Arts dos Museus Vaticanos por ocasião de sua peregrinação a Roma que marca os 30 anos de fundação. Modernos mecenas do nosso tempo, os Patrons são um comunidade internacional de benfeitores que há 30 anos exprime a sua paixão pela Cultura, Arte e Fé através da realização de projetos de conservação e restauração de obras-primas conservadas nos Museus Vaticanos.

No discurso aos membros presentes nesta manhã no Vaticano, o Papa Francisco agradeceu a contribuição dada para a restauração de numerosos tesouros de arte conservados nos Museus Vaticanos.

O nascimento dos Patrons of the Arts dos Museus do Vaticano foi inspirado não só por um sentimento louvável de co-responsabilidade pela herança de arte sacra que a Igreja possui, mas também pelo desejo de dar continuidade aos ideais espirituais e religiosos que levaram à criação das coleções pontifícias.

Em todas as épocas – disse o Papa -, a Igreja apelou às artes para dar expressão à beleza de sua fé e proclamar a mensagem evangélica da magnificência da criação de Deus, da dignidade do homem, criado à sua imagem e semelhança, e do poder da morte e ressurreição de Cristo levar redenção e renascimento a um mundo marcado pela tragédia do pecado e da morte.

Os Museus do Vaticano, com a sua história única e rica - continuou Francisco -, oferecem aos inúmeros peregrinos e visitantes que vêm a Roma a oportunidade de conhecer esta mensagem por meio de obras de arte que dão testemunho das aspirações espirituais da humanidade, dos sublimes mistérios da fé cristã e da busca da beleza suprema, que encontra a sua origem e a sua realização em Deus

Queridos amigos, - finalizou o Papa –, o seu apoio às obras de arte dos Museus do Vaticano possa sempre ser um sinal de sua participação interior na vida e na missão da Igreja. Possa também ser expressão da nossa esperança na vinda daquele reino cuja beleza, harmonia e paz são a espera de cada coração humano e a inspiração das maiores aspirações artísticas do gênero humano.


Cidade do Vaticano, 19/10/2013 - Rádio Vaticano 
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...