Mensagens de Nossa Senhora em Medjugorje no dia 02/08/2018

“Queridos filhos,

Com amor materno os convido a abrirem os seus corações à paz, a abrirem os seus corações ao MEU FILHO, a cantar em seus corações o amor ao MEU FILHO, porque somente através deste amor chega a paz da alma.

Filhos MEUS, EU sei que vocês tem a bondade, sei que vocês tem o amor, o amor misericordioso. Mas, muitos dos MEUS filhos ainda tem os corações fechados, pensam que podem agir sem colocar os seus pensamentos ao PAI CELESTIAL que ilumina, diante do MEU FILHO que está sempre e novamente com vocês na EUCARISTIA e que deseja ouvi-los.

Filhos Meus, porque não falam para eles ? A vida de cada um de vocês é importante e preciosa porque é um dom do PAI CELESTIAL para a ETERNIDADE, por isso nunca se esqueçam de agradecê-LO e falar com ELE.

Eu sei, filhos MEUS, que para vocês é desconhecido aquilo que virá depois, porém quando chegar o “depois” de vocês, terão todas as respostas. O MEU amor materno deseja que vocês estejam prontos.

Filhos MEUS, com a vida de vocês coloquem sentimentos bons nos corações das pessoas que vocês encontrarem, sentimentos de paz, de bondade, de amor e de perdão. Através da oração escutem o que lhes diz o MEU FILHO e assim o façam.

Novamente os convido a rezarem pelos seus sacerdotes, por aqueles a quem o MEU FILHO chamou; lembrem-se que eles tem necessidade de orações e de amor.

Obrigada.”

OBS: Esta mensagem é um carinho de Nossa Senhora para você... As matérias do blog seguem abaixo, aproveite!

50.000 Bíblias da Criança para Cuba

A maioria de nós ainda se lembra da primeira Bíblia que recebemos quando éramos crianças. Jamais esquecemos aquelas primeiras imagens que fizeram Jesus visível para nós, seja no seu nascimento em Belém ou durante sua vida, pregando e curando os doentes. Porém, muitas pessoas em vários lugares do mundo simplesmente não têm condições financeiras, ou outras, para adquirir uma Bíblia.

O Padre Werenfried van Straaten, fundador da Ajuda à Igreja que Sofre (AIS), tinha uma particular preocupação de que cada criança neste mundo – incluindo as mais pobres – tivesse acesso à Bíblia da Criança, pois, como ele mesmo observou: “As crianças precisam de algo como a Bíblia da Criança para que a imagem de Cristo seja uma imagem viva nos seus corações. Eles também terão a atenção presa nas histórias do Antigo Testamento como as de Abraão, Noé, José, Moisés e Davi. Ainda assim, para incontáveis crianças este desejo permanece irrealizado, já que são tão pobres que não podem comprar livro algum. Por isso, queremos dar-lhes de presente uma Bíblia”.
Assim, por 34 anos, a pequena Bíblia da Criança da AIS, com sua capa vermelha, já é reconhecida no mundo inteiro. Deus fala aos seus filhos, como ficou conhecido este pequeno livro, já foi traduzido para mais 170 línguas e chegou a um total de 51 milhões de cópias impressas. As primeiras Bíblias foram distribuídas em 1979, no Ano Internacional da Criança, na presença do Papa João Paulo II na Assembleia Geral dos Bispos Latino-americanos em Puebla, no México. Desde então, milhões de crianças por todo o globo receberam de presente este livro. Elas amam a pequena Bíblia, algumas as beijam quando recebem, e as apertam contra o peito ao ponto delas quase rasgarem. Hoje, o livro é encontrado em praticamente todos os lugares. Desde a Amazônia aos pequenos vilarejos dos Andes, das cabanas de palha da África às comunidades de freiras na Europa do Leste que com tanto carinho tratam as crianças negligenciadas. Milhares de crianças e catequistas são beneficiados com esta obra.
Este ano um novo pedido foi feito à AIS vindo de Cuba. Lá, após 50 anos de ditadura ateia, existem novos sinais de esperança e pequenos passos rumo à chegada de tempos melhores. Apesar de que ainda existam instâncias de descriminação contra os católicos praticantes, os fiéis estão gradualmente perdendo seu temor e aventurando-se a praticar sua fé mais abertamente. As visitas de João Paulo II em Janeiro de 1998 e de Bento XVI em Março de 2012, além da grande peregrinação da réplica da imagem de Nossa Senhora da Caridade do Cobre, padroeira da Ilha, contribuíram muito para melhorar a situação da ilha Caribenha.
No entanto, as gerações mais jovens, em sua grande maioria, foram crescendo sem um ensino religioso adequado. Muitos querem conhecer Deus melhor, mas existe uma verdadeira falta de livros para a catequese, especialmente para catequese de crianças. Assim, a AIS pretende financiar a impressão de 50.000 cópias da Bíblia da Criança em Espanhol, para que em Cuba, também a imagem de Cristo possa tornar-se viva nos corações de milhares de crianças.

Fonte: AIS
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...