Mensagens de Nossa Senhora em Medjugorje no dia 02/09/2017

Queridos filhos !

Quem melhor do que EU poderia falar para vocês do Amor e da existência do MEU FILHO ?

Vivi com ELE, EU sofri com ele, vivendo a vida terrena, EU provei da dor porque era MÃE.

MEU FILHO amou com pensamentos e obras o PAI CELESTIAL, o DEUS VERDADEIRO, e como ME dizia veio para redimi-los. EU escondi a minha dor com o amor. Vocês, filhos MEUS, tem numerosas perguntas, não compreendem a dor, não compreendem que através do Amor de Deus devem aceitar a dor e suportá-la. Todas as pessoas provam-na em maior ou menor medida, mas com a paz na alma e em estado de graça a esperança existe.

Este é o MEU FILHO, DEUS, nascido de DEUS. As SUAS PALAVRAS são sementes de Vida Eterna e semeadas nas boas almas produzem muitos frutos.

MEU FILHO suportou a dor porque tomou para si os pecados de vocês.

Por isso vocês, filhos MEUS, Apóstolos do MEU Amor, vocês que sofrem, saibam que as suas dores se tornarão luz e glória.

Filhos MEUS, enquanto vocês suportam a dor o CÉU entra em vocês, e em todos em torno de vocês é dado um pouco de Céu e muita esperança !

Obrigada !

OBS: Esta mensagem é um carinho de Nossa Senhora para você... As matérias do blog seguem abaixo, aproveite!

Ministério Público de Minas Gerais homenageia CNBB

A Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB) será homenageada na solenidade de entrega da Medalha do Mérito do Ministério Público de Minas Gerais (MPMG) - Promotor de Justiça Francisco José Lins do Rêgo Santos, na categoria Comenda. A Medalha será recebida pelo arcebispo de Aparecida (SP) e presidente da Conferência, cardeal Raymundo Damasceno Assis.
A solenidade será realizada nesta sexta-feira, 13 de setembro, às 18 horas, no Museu de Artes e Ofícios, em Belo Horizonte (MG). A Comenda do Ministério Público é concedida, anualmente, a pessoas físicas ou jurídicas, nacionais ou estrangeiras, que tenham prestado, na sua área de atuação, relevantes serviços ao Ministério Público.
Na mesma solenidade, serão agraciados com a Medalha do Ministério Público o professor emérito da Universidade de São Paulo, Dalmo de Abreu Dallari; o presidente da Assembleia Legislativa de Minas Gerais, deputado Dinis Antônio Pinheiro; o deputado federal, advogado e professor José Edgar Amorim Pereira (post mortem), e o ministro do Supremo Tribunal Federal, Luiz Fux.
Receberão a Comenda do Ministério Público, além da CNBB, a servidora aposentada do MPMG, Dalvanora Noronha Silva; a secretária de Estado de Cultura, Eliane Denise Parreiras Oliveira; o jornalista Mauro Santayana, e o promotor de Justiça Sebastião Naves de Resende Filho (post mortem).
A Medalha do Mérito do Ministério Público foi criada pela Lei Complementar nº 34, de 12 de setembro de 1994. Sua concessão foi regulamentada em ato do Procurador-Geral de Justiça, no ano de 2002 (Resolução nº 74/2002).
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...