Mensagens de Nossa Senhora em Medjugorje no dia 02/12/2017

“Queridos filhos, Me dirijo a vocês como sua Mãe, a Mãe dos justos, a Mãe daqueles que amam e sofrem, a Mãe dos santos.

Filhos Meus, também vocês podem ser santos: depende de vocês. Santos são aqueles que amam imensamente o Pai Celestial, aqueles que O amam acima de tudo.

Por isso, filhos Meus, procurem ser sempre melhores. Se procuraram ser bons, podem ser santos, também se não pensam isto de vocês. Se vocês pensam ser bons, não são humildes e a soberba os distancia da santidade.

Neste mundo inquieto, cheio de ameaças, as suas mãos, apóstolos do Meu amor, devem estar estendidas em oração e em misericórdia. Para mim, filhos Meus, presenteiem o Rosário, as rosas que tanto amo!

As Minhas rosas são as suas orações feitas com o coração e não somente recitadas com os lábios. As minhas rosas são as suas obras de oração, de fé e de amor.

Quando era pequeno, Meu Filho me dizia que os Meus filhos seriam numerosos e que me trariam muitas rosas.

Eu não compreendia, agora sei que vocês são aqueles filhos, que trazem rosas quando amam o Meu Filho acima de tudo, quando rezam com o coração, que ajudam os mais pobres. Estas são as Minhas rosas!

Esta é a fé, que faz que tudo na vida se faça por amor; que não conhece a soberba; que perdoa sempre prontamente, sem nunca julgar e procurando sempre compreender o próprio irmão.

Por isso, apóstolos do Meu amor, rezem por aqueles que não sabem amar, por aqueles que não os amam, por aqueles que os fizeram mal, por aqueles que não conheceram o Amor de Meu Filho. Filhos Meus, os peço isto para que lembrem que rezar significa amar e perdoar. Obrigada !”

OBS: Esta mensagem é um carinho de Nossa Senhora para você... As matérias do blog seguem abaixo, aproveite!

Pe. François Murad e decapitado por Sírios rebeldes

Este vídeo mostra rebeldes sírios decapitando três pessoas no interior de Edlib, incluindo o “Pe. François Murad”, que foi patrono da Sumaan Mosteiro al-Amoudi, sob a acusação de negociar com o governo e o Exército da Síria, o vídeo mostra as pessoas que falam  árabe com um forte sotaque, dizendo que através deste ato, eles estão aplicando a lei de Deus. 


OBS: O vídeo é extremamente chocante e portanto não recomendado à pessoas sensíveis.
 Clique no link para ver o video -  http://www.liveleak.com/view?i=ead_1372329728

No domingo, 23 de junho 2013, o Sírio padre François Murad foi morto em Gassanieh, no norte da Síria, no convento da Custódia da Terra Santa, onde ele se refugiou. Isto é confirmado por um comunicado do Custódio da Terra Santa, enviada à Agência Fides. As circunstâncias da morte não são completamente compreendidos. De acordo com fontes locais, o mosteiro, onde Fr. Murad estava hospedado foi atacado por militantes ligados ao grupo jihadista Jabhat al-Nusra.
Padre François, 49 anos, tinha dado os primeiros passos na vida religiosa com os frades franciscanos da Custódia da Terra Santa, e com eles, continuou a compartilhar estreitos laços de amizade espiritual. Depois de ser ordenado sacerdote que tinha começado a construção de um mosteiro cenobítico dedicado a São Simão Estilita, na aldeia de Gassanieh.After o início da Guerra Civil, o mosteiro de St. Simon tinha sido bombardeada e Pe. François Murad mudou-se para o convento de Custódia por razões de segurança e para dar apoio ao poucos remanescentes, juntamente com outro religioso e freiras do Rosário.
"Oremos", escreve o Custódio da Terra Santa Pierbattista Pizzaballa OFM "para que esta guerra absurda e vergonhosa termina em breve e que o povo da Síria possa voltar a viver uma vida normal." 
Arcebispo Jacques Behnan Hindo, titular da archeparchy Católica Síria em relatórios Hassaké-Nisibis à Fides: "
Toda a história dos cristãos no Oriente Médio é marcada e fecundada pelo sangue dos mártires de muitas perseguições Ultimamente, o pai me enviou Pe. François Murad, algumas mensagens que mostram claramente como ele era consciente de viver em uma situação de perigo, e ofereceu a sua vida pela paz na Síria e ao redor do mundo. ".


 "O sangue dos mártires é semente de cristãos" (Tertuliano, séc. II)

É certo que não se pode dizer que todos os muçulmanos sejam como os do vídeo, sádicos e cruéis, mas não se pode negar que a própria religião muçulmana por meio de seu livro sagrado, o Alcorão, incita ódio e violência contra os "inimigos do Islã", inclusive dando claras instruções de como se deve matá-los.

Postado por: Paulo Alves
Fonte: liveleak.com
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...