Mensagens de Nossa Senhora em Medjugorje no dia 02/07/2017

“Queridos filhos, os agradeço porque responderam ao Meu chamado e porque se reuniram em torno de Mim, em torno da Sua Mãe Celestial. Eu sei que pensam em Mim com amor e esperança. Eu sinto o amor de cada um de vocês, como também a sede do Meu Amadíssimo Filho, que por meio do Seu Amor Misericordioso, sempre e novamente Me envia até vocês. Ele que era homem e Deus Uno e Trino. Ele que por causa de vocês sofreu com o corpo e com a alma. Ele que se fez pão para dar pão às suas almas, para poder salvá-las.

Meus filhos, os ensino como serem dignos do Seu Amor, para poderem dirigir os seus pensamentos a Ele, para poderem viver o Meu Filho. Apóstolos do Meu Amor, os envolvo com o Meu Manto porque como Mãe desejo salvá-los.

Os peço: rezem pelo mundo inteiro. O Meu Coração sofre. Os pecados se multiplicam, são muitos. Mas com a ajuda de vocês, vocês que são humildes, cheios de amor, escondidos e santos, o Meu Coração triunfará. Amem o Meu Filho acima de tudo, e o mundo inteiro por meio Dele.

Não esqueçam nunca que cada irmão seu leva em si algo de precioso: a alma. Por isso, Meus filhos, amem a todos aqueles que não conhecem o Meu Filho, para que por meio da oração e do amor que vem da oração, eles possam tornarem-se melhores, a fim de que a bondade neles possa vencer, para poder salvarem as almas e terem a Vida Eterna.

Meus Apóstolos, Meus filhos, o Meu Filho pediu que amassem uns aos outros; que isto esteja escrito em seus corações e com a oração comecem a viver este amor.

Obrigada.

OBS: Esta mensagem é um carinho de Nossa Senhora para você... As matérias do blog seguem abaixo, aproveite!

O Sacramento da Penitência

Jesus Cristo instituiu sete sacramentos, que contemplam toda a vida do cristão Católico, havendo como que certa semelhança entre o curso da vida natural e a vida espiritual. Dentre os sete sacramentos, três deles são de iniciação da vida cristã: o Batismo, a Confirmação (Crisma) e a Eucaristia. Dois deles estão a serviço da comunhão e da missão dos fiéis: o Sacramento da Ordem e o Matrimônio. Finalmente, dois deles são sacramentos de cura: a Penitência e a Unção dos Enfermos.
Além de Sacramento da Penitência, esse Sacramento pode ainda ser chamado de Sacramento da Conversão, Sacramento da Confissão, Sacramento do Perdão ou ainda Sacramento da Reconciliação. Mas gostaria de chamar a atenção para a característica que nossa Igreja atribui a esse sacramento, e que de fato é: Sacramento de Cura. E é particularmente sobre esse aspecto que gostaria de tratar nesse artigo.
Somos pecadores. Esta é a nossa condição. Não somos pecadores porque pecamos; pecamos porque somos pecadores. E o pecado constitui uma ofensa a Deus, uma ruptura da comunhão com Ele. O pecado também, além de ferir a comunhão com Deus, fere a comunhão com a Igreja, com os irmãos.
A graça do sacramento da Penitência reside justamente no fato desse retorno à comunhão com Deus, restituindo-nos a amizade com Ele. Diz o Catecismo da nossa Igreja que aqueles que participam desse Sacramento gozam de grande paz e tranquilidade de consciência, que vem acompanhada de uma intensa consolação espiritual. Quem ao sair da confissão não se sente leve como uma pena? Quem não se sente como que flutuando no espaço? Tudo isso é devido a essa paz, a essa consolação espiritual proporcionada pelo Sacramento. Diz ainda o Catecismo que esse Sacramento traz consigo uma verdadeira ressurreição espiritual, a restituição da dignidade de filho e a restauração da amizade com Deus. Não é sem motivo que esse Sacramento é chamado de Sacramento de Cura, pois verdadeiramente traz consigo a cura da nossa alma.
Como vimos acima, o pecado também fere a comunhão com a Igreja, rompendo a comunhão fraterna. Nesse sentido também, o Sacramento da Penitência repara esse dano, curando não apenas a pessoa que se confessa, mas também tendo um efeito vivificante sobre toda a vida da igreja, que sofreu com o pecado de um dos seus membros.
Se o pecado é uma doença da alma, o Sacramento da Confissão é o remédio para a cura. Jesus Cristo, na pessoa do sacerdote é o próprio médico. Temos então no Sacramento da Penitência o melhor médico e o melhor remédio.

Adilson Angolini
Oblato Corpus Christi
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...