Mensagens de Nossa Senhora em Medjugorje no dia 02/12/2017

“Queridos filhos, Me dirijo a vocês como sua Mãe, a Mãe dos justos, a Mãe daqueles que amam e sofrem, a Mãe dos santos.

Filhos Meus, também vocês podem ser santos: depende de vocês. Santos são aqueles que amam imensamente o Pai Celestial, aqueles que O amam acima de tudo.

Por isso, filhos Meus, procurem ser sempre melhores. Se procuraram ser bons, podem ser santos, também se não pensam isto de vocês. Se vocês pensam ser bons, não são humildes e a soberba os distancia da santidade.

Neste mundo inquieto, cheio de ameaças, as suas mãos, apóstolos do Meu amor, devem estar estendidas em oração e em misericórdia. Para mim, filhos Meus, presenteiem o Rosário, as rosas que tanto amo!

As Minhas rosas são as suas orações feitas com o coração e não somente recitadas com os lábios. As minhas rosas são as suas obras de oração, de fé e de amor.

Quando era pequeno, Meu Filho me dizia que os Meus filhos seriam numerosos e que me trariam muitas rosas.

Eu não compreendia, agora sei que vocês são aqueles filhos, que trazem rosas quando amam o Meu Filho acima de tudo, quando rezam com o coração, que ajudam os mais pobres. Estas são as Minhas rosas!

Esta é a fé, que faz que tudo na vida se faça por amor; que não conhece a soberba; que perdoa sempre prontamente, sem nunca julgar e procurando sempre compreender o próprio irmão.

Por isso, apóstolos do Meu amor, rezem por aqueles que não sabem amar, por aqueles que não os amam, por aqueles que os fizeram mal, por aqueles que não conheceram o Amor de Meu Filho. Filhos Meus, os peço isto para que lembrem que rezar significa amar e perdoar. Obrigada !”

OBS: Esta mensagem é um carinho de Nossa Senhora para você... As matérias do blog seguem abaixo, aproveite!

A reação de Dom Parolin: "Missão será empenhativa e exigente"

Em declarações após a sua nomeação, Dom Pietro Parolin expressou profunda e afetuosa gratidão ao Papa Francisco pela – disse – “imerecida confiança” demonstrada em relação a ele, e manifestou a sua total disponibilidade em colaborar com o Santo Padre e sob a sua orientação para o bem da Igreja e da humanidade. 

O novo Secretário de Estado do Vaticano disse ainda sentir viva a graça desta chamada que, mais uma vez, constitui uma surpresa de Deus em sua vida. Disse sentir também toda a responsabilidade desta missão empenhativa e exigente, perante a qual as suas forças são frágeis, e pobres as suas capacidades. Por isso disse pôr-se ante esta tarefa com serenidade e confiança na misericórdia de Deus, na oração e ajuda dos outros.

Dom Pietro Parolin recordou os seus familiares, a sua Diocese de origem, Vicenza, o Papa Bento XVI, países onde tem trabalhado, (Nigéria, México, Venezuela) e também a Secretaria de Estado, que “já foi a sua casa por muitos anos”, assim como o Cardeal Tarcisio Bertone, outros Superiores e colaboradores de toda a Cúria Romana. A todos - concluiu - sou largamente devedor.

Entretanto, neste sábado,31, de manhã, o Santo Padre confirmou nos respectivos cargos Dom Giovanni Angelo Becciu, Substituto para as Questões Gerais; Dom Dominique Mamberti, Secretário para as Relações com os Estados; Don Georg Gänswein, Prefeito da Prefeitura da Casa Pontifícia; Mons. Peter Wells, Assessor para as Questões Gerais ; e Mons. Antoine Camilleri, subsecretário para as Relações com os Estados.


Fonte:  Rádio Vaticano
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...