MUITA ATENÇÃO POVO CATÓLICO !!!

IMG-20171013-WA0083.jpg

Mensagens de Nossa Senhora em Medjugorje no dia 02/10/2017

Queridos filhos,

Falo a vocês como MÃE, com palavras simples mas cheias de amor e de preocupação, que ME foram confiados por MEU FILHO. É ELE que, do ETERNO PRESENTE, fala a vocês com palavras de vida e semeia o amor nos corações abertos, Por esta razão os peço, apóstolos do MEU AMOR, tenham os corações abertos, sempre prontos à misericórdia e ao perdão.

Pelo MEU FILHO, perdoem sempre ao próximo porque assim vocês terão a paz. Filhos MEUS, preocupem-se com a alma de vocês porque é a única coisa que pertence a vocês realmente. Vocês se esqueceram da importância da família.

A família não deveria ser lugar de sofrimento e de dor mas local de compreensão e de ternura. As famílias que vivem segundo o MEU FILHO, vivem em amor recíproco.

Quando o MEU FILHO era ainda pequeno, ELE ME dizia que todos os homens são SEUS irmãos; por isso lembrem-se, apóstolos do MEU AMOR, que todos os homens que vocês encontrarem são família, irmãos pelo MEU FILHO.

Meus filhos, não gastem seu tempo pensando sobre o futuro, se preocupando. Que sua única preocupação seja viver bem cada momento de acordo com MEU FILHO. Lá está – paz para vocês!

Filhos MEUS, não esqueçam nunca de rezar pelos seus sacerdotes. Rezem para que possam aceitar todos os homens como seus próprios filhos e segundo o MEU FILHO, sejam pais espirituais. Obrigada.


OBS: Esta mensagem é um carinho de Nossa Senhora para você... As matérias do blog seguem abaixo, aproveite!

Que o mundo descubra o amor, a verdade e a justiça

Uma sociedade que quer ser livre e justa deve descobrir nas suas relações o respeito pela posição do outro sem perder a sua individualidade. O mundo, muitas vezes, vai pela contramão da boa convivência e do dialogo entre as pessoas, mas devemos procurar o caminho do entendimento e da paz.. Não se pode ter uma paz duradora se não houver o amor, a verdade e a justiça entre todos.
As ideologias humanas, muitas vezes, são entraves para o direito humano de valorização da vida em todos os estágios. Não podemos permitir a cultura da morte e do descartável entre nós. As crianças tem o direito de nascer e os idosos tem que ter uma finitude respeitada, sendo assim a sociedade se humaniza e vive os valores da dignidade humana, mas é preciso que todos se respeitem, sem impor uma posição ou uma reinvindicação a outro.
Não se pode querer uma coisa se eu não respeitar a vida do outro, mas o dialogo e a boa convivência entre as pessoas vai fazer a diferença no mundo.
A pluralidade de ideias, de posições politicas e de religiões diversas deve ter um franco dialogo e respeito, pois todos buscam as verdades e elas vão convergir numa verdade plena que chega a Deus, que é principio e fim de tudo.
As palavras do nosso Papa Francisco para o tempo de hoje é uma orientação segura de um pastor que leva o seu rebanho para Cristo na autenticidade e vivencia da fé. Que a Igreja seja o sinal de acolhida e respeito a todos e que ela seja uma porta aberta onde todos têm lugar e vez. Que ela seja simples e pobre para transmitir a mensagem salvadora de Cristo que é sempre atual para nós. As pessoas possam ser portadores de paz e concórdias entre todos em Cristo.
Todos são chamados a ser missionário de Cristo, sendo irmãos e irmãs de todos, pois juntos somos mais para construir uma sociedade justa e fraterna. Não sejamos entraves para que outros possam entrar e ser ouvido e acolhido como filho e filha de uma Igreja missionária e discípula de Cristo.
A JMJ foi uma demonstração que é possível a confraternização dos povos em vista da paz e respeito pelo ser humano. Não pode haver intolerância entre as pessoas e sim uma busca de um denominador comum que busca soluções dos impasses criados pela sociedade moderna.
A Igreja quer ser parceira nas soluções das desigualdades sociais, econômicas e humanas, mas para que isso aconteça é preciso que haja a sinceridade e abertura de corações entre as pessoas. Ninguém deve ficar de lado do Banquete da vida e cada um deve ter um lugar na mesa sem privilégios, pois isso ajuda a ter mais vida e todos vão sentir saciados em suas vidas, levando-os a uma dignidade valorizada e respeitada por todos.
Que Deus nos ajude a encontrar o caminho, do amor, da solidariedade e da partilha de dons em vista do bem comum e que todos tenham vida sempre. Amém!

Bacharel em Teologia  Benedito Schumann 

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...