Mensagens de Nossa Senhora em Medjugorje no dia 02/12/2017

“Queridos filhos, Me dirijo a vocês como sua Mãe, a Mãe dos justos, a Mãe daqueles que amam e sofrem, a Mãe dos santos.

Filhos Meus, também vocês podem ser santos: depende de vocês. Santos são aqueles que amam imensamente o Pai Celestial, aqueles que O amam acima de tudo.

Por isso, filhos Meus, procurem ser sempre melhores. Se procuraram ser bons, podem ser santos, também se não pensam isto de vocês. Se vocês pensam ser bons, não são humildes e a soberba os distancia da santidade.

Neste mundo inquieto, cheio de ameaças, as suas mãos, apóstolos do Meu amor, devem estar estendidas em oração e em misericórdia. Para mim, filhos Meus, presenteiem o Rosário, as rosas que tanto amo!

As Minhas rosas são as suas orações feitas com o coração e não somente recitadas com os lábios. As minhas rosas são as suas obras de oração, de fé e de amor.

Quando era pequeno, Meu Filho me dizia que os Meus filhos seriam numerosos e que me trariam muitas rosas.

Eu não compreendia, agora sei que vocês são aqueles filhos, que trazem rosas quando amam o Meu Filho acima de tudo, quando rezam com o coração, que ajudam os mais pobres. Estas são as Minhas rosas!

Esta é a fé, que faz que tudo na vida se faça por amor; que não conhece a soberba; que perdoa sempre prontamente, sem nunca julgar e procurando sempre compreender o próprio irmão.

Por isso, apóstolos do Meu amor, rezem por aqueles que não sabem amar, por aqueles que não os amam, por aqueles que os fizeram mal, por aqueles que não conheceram o Amor de Meu Filho. Filhos Meus, os peço isto para que lembrem que rezar significa amar e perdoar. Obrigada !”

OBS: Esta mensagem é um carinho de Nossa Senhora para você... As matérias do blog seguem abaixo, aproveite!

A Festa de Corpus Christi

Na próxima quinta-feira, 30 de maio, a Igreja Católica celebra a festa de Corpus Christi.

O fato de ser numa quinta-feira evoca a celebração da Quinta-feira Santa, iniciando o Tríduo Pascal, celebramos a instituição desse mistério. Porém, historicamente, a solenidade como a temos hoje foi introduzida mais tarde. 
A festa tem sua origem no século XIII e foi instituída pelo papa Urbano IV em 1264. É a grande festa do Corpo de Nosso Senhor na Eucaristia. É a afirmação da presença de Cristo inteiramente na santa hóstia, alimento da alma, sacramento da comunhão.
Por meio da Eucaristia, Jesus se dá como alimento, se faz presente perto de nós e nos fortalece pelo caminho. Nela, Jesus comunica seu amor e se entrega verdadeiramente por nós. 
A origem da festa de Corpus Christi se dá em Liege, na Bélgica, onde uma freira chamada Juliana de Cornillon teria tido inspirações sobre esse mistério, e expressou que seria muito importante que o sagrado mistério Eucarístico fosse celebrado de forma especial e com merecido destaque.
A procissão com a hóstia consagrada e as leituras dos textos litúrgicos desta solenidade foram preparados por São Tomás de Aquino, e datam do ano 1274. 
No Brasil a festa é cada vez maior. A tradição de enfeitar as ruas com tapetes coloridos, que recordam a Eucaristia e a vida da Igreja, é verdadeira expressão de fé e de arte que nosso povo bom oferece a seu Cristo, homenageando-O presente inteiramente nas espécies consagradas quando passa pelas capitais, cidades vilas, povoados e lugarejos mais diversos. Como no passado, Jesus hoje caminha conosco!

A celebração festiva consta de missa, procissão e adoração ao Santíssimo Corpo e ao Santíssimo Sangue de Nosso Senhor. A Santa Missa é o memorial da paixão, morte e ressurreição de Jesus Cristo; a procissão, a lembrança da caminhada do povo de Deus, peregrino neste mundo, que marcha para a casa do Pai, o Céu, nossa meta e definitiva morada; e, a adoração, um dos mais profundos gestos de comunhão que podemos esclarecer com Nosso Senhor Jesus Cristo.

Aqui em Caruaru já se tornou tradição encerrar a festa de Corpus Christi no Pátio de Eventos. Alguém, sem nenhum conhecimento da história e da cultura do Brasil, vai dizendo por aí, que esta procissão é a noite dos católicos no São João! Eu não concordo com esta interpretação porque os verdadeiros católicos não precisam de uma noite especial para viver o São João. Eles participam todas as noites, se quiserem e se puderem, e vivem a sua fé também numa festa junina. A festa de Corpus Christi faz parte da cultura religiosa é claro que o único espaço que pode acolher a multidão dos cristãos que acreditam na Eucaristia é só o pátio de eventos. E a Igreja Católica é grata a Fundação de Cultura que nos concede todos os anos o espaço para realizar esta festa. Este ano não será necessário porque Corpus Christi cai no dia 30 de Maio. E nós celebraremos nas paróquias. E se tiver necessidade de outros eventos no Pátio estaremos dialogando com os responsáveis, mas não nos interessa a noite dos católicos no São João: o que importa é saber viver em paz e harmonia com todos!

Que a solenidade de Corpus Christi seja a oportunidade de renovarmos nossa fé e amor a Cristo presente na Eucaristia. Que seja a oportunidade de reconhecê-Lo como nosso verdadeiro alimento, pão dos homens, pão dos anjos, alimento salutar. Quem come desse pão não terá mais fome, quem bebe desse vinho não terá mais sede.

Que seja ainda a manifestação pública de nossa fé e confiança em Cristo, centro, fonte e ápice de toda a vida da Igreja. Com Cristo, queremos trabalhar sempre mais para que a vida seja um constante caminhar, e promover o bem, a felicidade, a paz e a verdadeira concórdia.


Dom Bernardino Marchió
Bispo Diocesano de Caruaru.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...